Campanha do Sport na Série A traz boas perspectivas para 2015

Joelinton é reflexo do que é o Sport neste momento. Fotos: Guga Matos/JC Imagem – Autor: Thiago Wagner

O Sport pode não ter conseguido fôlego para brigar por posições melhores no Brasileirão, como o G4, por exemplo, mas cumpriu a missão na competição, que chegou a sua última rodada neste domingo. Com a vitória de 1×0 sobre o São Paulo na Arena Pernambuco, o Leão conseguiu repetir a melhor posição de um Pernambucano na era dos pontos do corridos na Série A – ficou em 11º com 52 pontos. A campanha tranquila, sem grandes sustos – fora o período de oito jogos sem vencer – ainda traz perspectivas futuras para o Rubro-negro, principalmente porque manteve boa parte do grupo para 2015. Além disso, o técnico Eduardo Baptista trouxe alguns jogadores das categorias de base para o time principal. O reflexo disso é o atacante Joelinton, autor do gol da vitória contra os paulistas. 2014 chegou ao fim, mas já deu para ver como pode o início de 2015 para os leoninos, pelo menos se esse trabalho for mantido.

Sport domina um São Paulo sem criatividade

Diferentemente do ocorreu no jogo de ida, quando perdeu de 2×0, o Sport não foi dominado completamente pelo São Paulo no gramado. Os papéis foram invertidos na tarde deste domingo. Jogando em casa, foi o Leão quem ditou o ritmo durante boa parte dos 90 minutos. Teve mais posse de bola, principalmente no primeiro tempo, e tomou a iniciativa de atacar. É claro que o gol no começo do jogo, com Joelinton aos 3 minutos, deu mais tranquilidade para os rubro-negros, mas os comandados de Eduardo Baptista não deram trégua para a defesa paulista. O placar só não foi maior porque os donos da casa abusaram de erros de passes e de finalizações. Mike e Danilo que o digam. Ambos perderam oportunidades claras de ampliar o placar na cara com o goleiro Dênis.

10846696_10152902313700982_959451310_n

Só que as dificuldades do São Paulo em campo não foram somente para controlar o ataque do Sport. Na criação, os visitantes tiveram problemas. Sem Kaká (poupado) e Ganso (suspenso), os tricolores ficaram sem criatividade e apostaram muito nos cruzamentos. Foi difícil furar a defesa leonina nesta tarde. Os zagueiros rubro-negros chegaram até a se jogar na frente da bola para impedir o pior. Para dizer que Magrão não tocou na bola, ele fez uma boa defesa no fim da partida. Mas nada que fizesse a vantagem rubro-negra ser ameaçada. Vitória segura da defesa ao ataque para os rubro-negros.

Joelinton marca de novo e aumenta esperança da torcida para o futuro

O atacante Joelinton marcou mais um gol com a camisa rubro-negra. Foi o segundo dele na competição, já havia marcado contra o Fluminense. Mais do que ajudar no resultado positivo, o gol do jovem leonino desperta a esperança da torcida para o futuro. Se mantiver esse ritmo, 2015 promete ainda mais para o jogador.

38 vezes Renê

Ao entrar em campo neste domingo, o lateral-esquerdo Renê tornou-se o único jogador de linha a fazer todos os jogos do Brasileirão. Antes da partida, ele recebeu a camisa 38, referente ao número de compromissos na Série A do presidente do Sport, João Humberto Martorelli. O goleiro Magrão também fez todos os jogos.

Troca o lado…e o uniforme

10819067_10152902326865982_355592250_n

Na volta para o segundo tempo, as duas equipes resolveram trocar os uniformes. O São Paulo deixou de lado o branco para vir com o segundo padrão, a camisa tricolor, enquanto o Sport veio de laranja, para delírio dos torcedores.

FICHA DA PARTIDA – SPORT 1X0 SÃO PAULO

Sport: Magrão, Patric, Durval, Ewerton Páscoa e Renê; Rodrigo Mancha, Rithely e Diego Souza (Ananias); Danilo (William), Mike (James). Técnico: Eduardo Baptista.

São Paulo: Denis; Auro, Rafael Toloi, Edson Silva e Reinaldo; Souza, Denilson, Oswaldo (Evandro) e Michel Bastos (Ademilson); Alan Kardec e Alexandre Pato (Boschilla). Técnico: Muricy Ramalho.

Série A (última rodada). Local: Arena PE (São Lourenço da Mata). Árbitro: Wagner Reway – MT. Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Eduardo Gonçalves da Cruz ( MS). Gols: Joelinton (S) aos 3 minutos do primeiro tempo. Amarelos: Oswaldo (SP). Público: 34.496. Renda: R$ 1.011.655.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *