Futebol Internacional

Falcão faz cinco gols em goleada do Atlético de Madrid

Endiabrado, o atacante colombiano Falcao García marcou cinco vezes na goleada do Atlético de Madrid por 6 a 0 sobre o Deportivo La Coruña, neste domingo, no Vicente Calderón. O brasileiro Diego Costa completou o passeio dos colchoneros.

O colombiano tornou-se o primeiro jogador da História do Atlético de Madrid a balançar cinco vezes as redes do adversário em uma partida pelo Campeonato Espanhol. Ele é o vice-artilheiro da competição com 16 gols marcados.

A enxurrada de gols de Falcao mantém o Atletico na vice-liderança do torneio com cinco pontos à frente do arquirrival Real Madrid (37 a 32).

Fonte:  LANCENET

Venda de ingressos começa nesta terça-feira

Os ingressos para o primeiro jogo da Seleção Brasileira em 2013 começam a ser vendidos nesta terça-feira, dia 11 de dezembro. Os torcedores brasileiros interessados em comprar entradas devem entrar no site da Federação Inglesa para adquirir o bilhete.

Brasil e Inglaterra se enfrentam no dia 6 de fevereiro, no Estádio Wembley, em Londres, capital inglesa. A partida está marcada para as 21 horas de Brasília.

Fonte: CBF

Grêmio inaugura sua Arena com festa, emoção e vitória

Direto de Porto Alegre

O dia 8 de dezembro ficará marcado na memória de todo torcedor do Grêmio. Após dois anos de obras, a Arena Grêmio foi inaugurada na noite deste sábado em Porto Alegre. E foi mais que uma inaguração. Foi um espetáculo em si.

A festa teve apresentações de danças gaúchas, homenagens a ex-jogadores, dois shows com o grupo americano Blue Man e show de fogos de artifício. Por fim, com a presença do presidente do Grêmio, responsáveis pela Arena e pela construtora, foi cortado a fita inaugural no centro do gramado da Arena.

Mais de 60 mil gremistas estiveram na festa. A movimentação foi grande desde as primeiras horas do sábado. Cinco horas antes da festa começar, milhares de gremistas já lotavam as intermediações do estádio.

Dentro, eles deram um show a parte. A Geral, torcida que fica atrás de uma das balizas, deu o tom das canções. E nem precisou da bola rolar para a primeira avalanche acontecer. No meio da festa, um vídeo foi mostrado no super telão do estádio com os gols mais importantes da história gremista. E em praticamente todos eles, a avalanche desceu os degraus da Arena, dando um lindo show na festa.


Arena recebeu 60 mil pessoas na sua inauguração. Foto: Anderson Malagutti

O primeiro gol. A primeira provocação. A primeira vitória

A festa terminou do mesmo jeito naquela tarde de 1983, quando Grêmio e Hamburgo decidiram o Mundial de Clubes no Japão. O placar de 2×1 finalizou um sábado de emoções para o tricolor gaúcho. O centroavante André Lima, de cabeça, foi o autor do primeiro gol Arena do Grêmio. E o outro centroavante do time, Marcelo Moreno, decretou a vitória azul sobre os alemães.

A vitória teve início logo aos nove minutos. Após escanteio cobrado por Elano, André Lima se antecipou à zaga do Hamburgo e mandou para as redes. Era o primeiro gol da Arena.


André Lima marcou o primeiro gol da Arena e provocou o Inter. Foto: Divulgação

Mas André Lima queria não apenas deixar seu nome na história com o primeiro gol. Na comemoração, o camisa 99 imitou Kidiaba, do Mazembe, e provocou o rival Internacional.

Com o placar na frente, o tricolor gaúcho administrou o placar no primeiro tempo. Leandro foi o protagonista de uma série de seis impedimentos consecutivos.

A poucos minutos do final da primeira etapa, feio a parte negativa da festa. Torcedores que estavam na Geral iniciaram uma briga generalizada que só terminou quando com a chegada da polícia. Vários torcedores foram presos e a banda da Geral acabou expulsa da arquibancada.

Na volta do segundo tempo os times vieram bastante modificados. E o Hamburgo foi pra cima até o gol sair, com o zagueiro Westermann.

Mas a festa era pra ser gremista. E foi. Aos 42 minutos, Marcelo Moreno chutou de primeira e colocou os gaúchos na frente. Era o passado voltando à tona 29 anos depois, num Grêmio e Hamburgo, com 0 2×1 no placar.


Time gaúcho pousa para foto do jogo. Foto: Anderson Malagutti

Ficha técnica:

GRÊMIO: Marcelo Grohe, Pará, Werley (Saimon, 18’/2ºT), Naldo e Anderson Pico (Tony, Intervalo); Fernando (Marco Antonio, Intervalo), Souza, Elano (Marquinhos, Intervalo) e Zé Roberto (Léo Gago, Intervalo); Leandro (Rondinelly, 18’/2ºT) e André Lima (Marcelo Moreno, Intervalo) – Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

HAMBURGO: Drobny, Bruma, Paul Scharner, Rajkovic (Diekmeier, 19’/2ºT), Aogo (Westermann, Intervalo), Sala, Rincon, Tesche (Arslan, 19’/2ºT) Ilicevic (Skjelbred, 36’/2ºT), Marcus Berg, Rudnevs (Son, Intervalo) – Técnico: Thorsten Fink.

Grêmio Arena – Vídeo da Abertura

 

POSTADO POR Anderson Malagutti ÀS 01:30 EM 09 DE Dezembro DE 2012

Messi entra no segundo tempo, deixa o campo lesionado, e Barça empata

O técnico do Barcelona, Tito Vilanova, não queria escalar Messi para o duelo desta quarta-feira contra o Benfica, pela última rodada do Grupo G da Liga dos Campeões. Perto de quebrar o recorde de gols num mesmo ano, o camisa 10 pediu para jogar e foi atendido. Mas seria melhor se a decisão do treinador tivesse prevalecido.  O argentino, que começou no banco, entrou no segundo tempo, mas lesionou o joelho e teve de deixar o campo, forçando o time catalão a jogar com um a menos durante cerca de dez minutos. O jogo terminou empatado em 0 a 0. Os catalães já estavam classificados para as oitavas de final, na primeira colocação da chave, e os portugueses acabaram eliminados da competição. O Celtic, que venceu o Spartak de Moscou por 2 a 1, ficou com a segunda vaga.

Messi está a dois gols de superar a marca do ex-jogador alemão Gerd Müller, que marcou 85 em 1972. O Barcelona tem mais quatro jogos a cumprir em 2012, sendo três pelo Campeonato Espanhol – Bétis (dia 9), Atlético de Madrid (16) e Valladolid (22) – e um pela Copa do Rei – Córdoba (12).

saiba mais

  • Médicos do Barça não descartam presença de Messi em jogo no domingo

Segundo a Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS), o craque já se igualou ao inglês Vivian Woordward como o maior goleador em jogos internacionais num só ano, com 25 gols. Woodward alcançou o feito em 1909.

Diretor de futebol do Barcelona, Zubizarreta tentou tranquilizar os torcedores logo após a partida:

– A lesão não é tão grave.

No próximo dia 20 de dezembro, a Uefa irá sortear os confrontos das oitavas de final. O primeiro de cada grupo só poderá enfrentar os segundos colocados – desde que ele não seja do mesmo país. Haverá uma nova cerimônia antes das quartas de final para definir os próximos duelos.

Messi, Barcelona e Benfica (Foto: Agência AFP)
Messi saiu de campo lesionado, deixando o Camp Nou em silêncio (Foto: Agência AFP)

Garotos do Barça encontram dificuldades

Em campo com um time formado basicamente por garotos, o Barcelona sentiu a falta de entrosamento. Enquanto o time principal poderia jogar junto com os olhos vendados que conseguiria tocar a bola com maestria, a garotada ainda não é capaz de ter a mesma sensibilidade de posicionamento e visão. Assim, os espanhóis foram presas fáceis para a linha de impedimento formada pela defesa portuguesa.

Foram vários passes por trás da defesa, mas a maioria terminou em impedimento. Só Villa esteve em posição irregular em três oportunidades. Precisando ir para o ataque para conseguir a vaga, o Benfica teve seus momentos e foi mais feliz nos “passes por trás”. Aos 11 minutos, o brasileiro naturalizado espanhol Rodrigo Moreno recebeu sozinho, avançou até a área, mas, mesmo com Lima livre pedindo a bola, preferiu o chute. A bola passou perto da trave e saiu pela linha de fundo.

Lima também teve uma ótima chance, aos 19 minutos, ao receber cruzamento de Nolito. De peixinho, o brasileiro mandou a bola para fora. Outro setor que mostrava-se ineficiente no time catalão era a criação de jogadas. Song, inicialmente escalado como único protetor da defesa e responsável pela distribuição do jogo, deu suas investidas no ataque e teve mais sorte que os companheiros.

Aos 22, o camaronês tentou o badalado passe por trás da defesa, o zagueiro Luisão interceptou, mas se atrapalhou, deixando Tello em ótimas condições. O jovem atacante, contudo, deixou a bola correr demais e o goleiro Artur se recuperou e evitou o gol. Um minuto após a jogada criada por Song, Tello cruzou, Rafinha tocou de primeira e pegou o goleiro Artur, mal posicionado, de surpresa. Para a sorte do arqueiro do Benfica, Garay estava em cima da linha e, de cabeça, afastou o perigo.

Garay e DAvid villa, Barcelona e Benfica (Foto: Agência AFP)
David Villa teve uma péssima atuação e ficou várias vezes em posição de impedimento (Foto: Agência AFP)

Messi entra, e Benfica recua

Na segunda etapa, o Benfica teve apenas uma boa chance. Logo no primeiro minuto, Maxi Pereira cruzo, a bola passou por toda a área e sobrou para Nolito, que chutou de primeira e tirou tinta da trave. Pinto já estava vendido e lhe restou rezar para a bola não entrar. As duas equipes voltaram do intervalo mais violentas, especialmente os Encarnados. Nos 15 minutos iniciais foram quatro cartões amarelos.

O técnico Tito Vilanova fez o que o Benfica menos queria: acionou Messi aos 12 minutos. A presença do argentino em campo mudou completamente a portura do time português, que partiu todo para a defesa. Quando o camisa 10 tocava na bola, a impressão, pouco exagerada, era a de que os dez jogadores rivais tentavam interceptar o atacante, muitas vezes violentamente.

O Benfica tentava chegar ao ataque atráves dos cruzamentos, mas Lima e Rodrigo Moreno jogavam longe da área, tornando as tentativas inúteis. Com Messi, surgiram mais faltas perto da área lusitana. O argentino teve duas tentativas e, na segunda, fez o goleiro Artur defender em cima da linha.

O drama de Messi

Aos 39 minutos, na melhor chance do Barça, houve um grande susto. Piqué fez lindo lançamento para Messi, que driblou o goleiro, perdeu o ângulo, conseguiu chutar, mas Artur já tinha se recuperado a tempo e conseguiu defender, novamente em cima da linha. Na hora do drible, o craque sentiu o joelho e teve que ser retirado de campo na maca, levando aos mãos ao rosto lamentando a dor. Ao términoda partida, o meia Thiago Alcântara parecia não acreditar no que viu.

– Não sabemos o que houve. Espero que não seja nada – disse ainda na saída do campo.

Messi, Barcelona e Benfica (Foto: Agência AFP)
Messi recebe o atendimento médico: dor e lamentação (Foto: Agência AFP)
GloboEsporte.com

Mãe de Felipão morre aos 89 anos em Passo Fundo

Morreu na tarde desta segunda-feira Cecy Leda Gabriel Scolari, mãe do novo técnico da seleção brasileira, Luiz Felipe Scolari. Ela tinha 89 anos e estava internada desde o dia 30 de outubro se recuperando de uma pneumonia no Hospital São Vicente de Paulo em Passo Fundo, no norte do Rio Grande do Sul.

Cecy vinha apresentando melhoras e havia, inclusive, deixado o Centro de Tratamento Intensivo (CTI), voltando à ala de internação do hospital. Mas, durante o fim de semana, ela piorou e não resistiu, morrendo às 14 horas nesta segunda-feira.

Felipão chegou a visitar a mãe no hospital na semana passada, antes de ser confirmado pela CBF como o novo técnico da seleção brasileira – ele assumiu oficialmente o cargo, em substituição ao demitido Mano Menezes, na manhã de quinta-feira, no Rio.

O velório acontecerá a partir das 20 horas desta segunda-feira. Já o sepultamento será realizado nesta terça, no Cemitério Memorial Vera Cruz, em Passo Fundo. A fatalidade mudou a agenda de Felipão, que receberia na prefeitura de Porto Alegre, também nesta terça, o título de embaixador da Copa.

Fonte: Agência Estado

Palermo é anunciado oficialmente como novo técnico do Godoy Cruz

Ídolo da torcida do Boca Juniors, o ex-jogador Martín Palermo foi anunciado oficialmente como novo treinador do Godoy Cruz na noite desta sexta-feira. Após ter se despedido oficialmente dos gramados no início deste ano, o argentino assume uma equipe pela primeira vez na carreira e chega como uma aposta para a próxima temporada.

– Levamos em conta sua trajetória como jogador. Fomos buscá-lo porque gostamos dele e confiamos que ele vá se sair bem. Será um lindo desafio – explicou o presidente do clube argentino, Mario Contraras, em declarações publicadas pela agência de notícias “Télam”.

Na comissão técnica, Palermo vai contar com a ajuda de velhos conhecidos. O ex-goleiro Pato Abbondanzieri, ex-Boca e Internacional, está confirmado como auxiliar. Outro que deve fazer parte é o zagueiro Rolando Schiavi, que encerra a carreira em dezembro.

Curiosamente, um dos primeiros desafios de Palermo será justamente o Boca Juniors. Na última rodada do Torneio Inicial, no dia 8 de dezembro, o Godoy Cruz, atualmente na 14ª colocação do torneio com 19 pontos, enfrenta os xeneizes na Bombonera, palco de grande parte dos gols do ex-atacante na carreira.

Além do Boca Juniors, Palermo iniciou a carreira no Estudiantes, ainda em 1991, e passou por três diferentes clubes espanhóis: Villarreal, Bétis e Alavés.

Valcke admite que Fifa aprendeu a conviver com o 'jeitinho brasileiro'

A Fifa queria que todos os seis estádios da Copa das Confederações fossem entregues seis meses antes da competição.No entanto, palcos como a Arena Pernambuco (Recife), o Maracanã (Rio de Janeiro) e o Estádio Nacional Mané Garrincha (Brasília) só serão totalmente concluídos em abril, a dois meses do início da competição.

O atraso incomoda a Fifa. Contudo, pelo menos publicamente, o tom de cobrança que já foi forte dá lugar a um discurso paciente e pacífico. De acordo com o secretário-geral da entidade, Jérôme Valcke, a Fifa aprendeu a conviver com o “jeitinho brasileiro”.