Pernambucano

Vice-campeão estadual, Central está eliminado da Série D com Flamengo e Belo Jardim

O futebol pernambucano está fora da segunda fase da Série D. Os três representantes do estado foram eliminados da competição a uma rodada do fim da fase de grupos. Juntos, Belo Jardim, Central e Flamengo de Arcoverde conseguiram, em 15 jogos, uma vitória, seis empates e oito derrotas. Decepção maior no caso da Patativa, vice-campeão estadual. Na Quarta Divisão, avançam à segunda fase os primeiros colocados de cada um dos 17 grupos, mais os 15 melhores segundo colocados.
Em cinco rodadas, a Patativa não conseguiu uma vitória sequer. Perdeu dois jogos e empatou três. Estreou empatando em 0 a 0 com a Jacuipense, fora de casa. Depois, perdeu em casa por 1 a 0 para o Sergipe, empatou em 3 a 3 com o ASA em Arapiraca, empatou em 0 a 0 em Caruaru com o ASA e, no sábado passado, perdeu por 1 a 0 para o Sergipe fora de casa.No próximo domingo,recebe a Jacuipense no Luiz Lacerda em um jogo que em nada o clima nos duels contra Sport e Náutico, na semifinal e final do Campeonato Pernambucano.
A campanha do Belo Jardim é semelhante. Até estreou conseguindo um bom resultado, empatando em 3 a 3 com o Guarany de Juazeiro fora de casa. Depois disso, só decepcionou. Empatou duas partidas seguidas em casa, ambas em 0 a 0, contra Imperatriz-MA e América-RN, respectivamente. Em seguida, perdeu para esses dois times fora de casa (4 a 2 em Natal e 4 a 0 em São Luís). No próximo domingo, se despede recebendo o Guarany de Juazeiro.
O Flamengo de Arcoverde foi o único time pernambucano que venceu ao menos um jogo na Série D. Foi logo na estreia, por 1 a 0, contra o Murici-AL, em casa. O otimismo durou pouco. Depois desse triunfo, o time perdeu quatro jogos seguidos, com direito a três goleadas (5 a 0 contra o Fluminense de Feira na Bahia, 2 a 1 em casa contra o Campinense, 3 a 0 contra o time paraibano em Campina Grande e, neste domingo, 4 a 0 contra o Fluminense de Feira em Arcoverde). Domingo, enfrenta o Murici fora de casa.
Fonte:  Redação Superesportes /Diario de Pernambuco

Etiene Medeiros faz história na natação e conquista ouro no Mundial de Budapeste

Foi no toque. Foi no detalhe. Mas foi medalha de ouro. Foi assim que a nadadora pernambucana Etiene Medeiros venceu a prova dos 50m costas no Mundial de Esportes Aquáticos em Budapeste, na tarde desta quinta-feira, e conquistou a primeira medalha de ouro de uma brasileira em provas de piscina longa (50m) na competição.

Nadando lado a lado com a chinesa Yuanhui Fu, sua principal rival na disputa, Etiene largou bem e foi até o fim da prova disputando a ponta da prova. Perto da batida, a impressão era que a adversária estava à sua frente, mas a pernambucana foi mais rápida e venceu por um centésimo com o tempo de 27s14 contra 27s15 de Yuanhui Fu.

Ao sair da piscina, a recifense falou com a equipe do Sportv e revelou toda a sua emoção pela conquista. “Que prova! Acho que tive várias pessoas ao meu lado para nadar essa prova. Foi uma temporada muito diferente. Estava relaxada, mas entrei mais nervosa do que o normal. Estou muito feliz! Foi por pouco e ela (Yuanhui Fu) é uma ótima adversária. Ela lhe aborda de forma diferente às vezes, mas só pego energia boa”, afirmou, ainda ofegante.

Outra marca inédita para Etiene

Conquistar medalhas em mundiais não é novidade para a pernambucana. Ela já tinha ganho a prata nesta mesma competição em 2015 (Kazan), primeira vez que uma brasileira subiu ao pódio em competições de piscina longa e já tinha outra medalha de ouro nesta prova, mas em competições de piscina curta (Doha, 2014). O feito inédito desta quinta-feira crava o nome da pernambucana de vez na história da natação brasileira.

 Rafael Brasileiro /Diário de Pernambuco

Com participação de árbitro de vídeo, Sport vence Salgueiro e é campeão pernambucano

Ficha do Jogo

Salgueiro 0

Mondragon; Marcos Tamandaré, Ranieri, Luiz Eduardo e Daniel; Rodolfo Potiguar, Moreilândia, Toty e Álvaro; Jean Carlos (Dadá) e William Lira. Técnito: Evandro Guimarães.

Sport 1

Magrão; Samuel Xavier, Ronaldo Alves, Durval e Raul Prata (Evandro); Rodrigo (Thallyson), Rithely, Everton Felipe e Diego Souza; Lenis (Leandro Pereira) e André. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Estádio: Cornélio de Barros, em Salgueiro-PE. Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (FIFA-GO). Assistentes: Emerson A. de Carvalho (FIFA-SP) e Marcelo Van Gasse (FIFA-SP). Árbitro de vídeo: Péricles Bassols. Gol: Everton Felipe (31’ do 2T) (SPO). Cartões amarelos: Jean Carlos, Rodolfo Potiguar e Daniel (SAL); Durval, Lenis, Fábio e André (SPO). Público e Renda: Não divulgado.

Salgueiro e Sport se reencontram após 52 dias para decidir o campeão pernambucano

Ficha do jogo

Salgueiro
Mondragon; Diego Aragão (Marcos Tamandaré), Ranieri, Maurício e Paulo Vitor; Rodolfo Potiguar, Toty, Jaildo e Dadá (Gustavo); Álvaro e Jean Carlos. Técnico: Evandro Guimarães.

Sport

Magrão; Samuel Xavier, Ronaldo Alves, Henríquez (Durval) e Raul Prata; Rithely, Rodrigo, Everton Felipe e Diego Souza; Reinaldo Lenis e André. Técnico Vanderlei Luxemburgo.

Estádio: Cornélio de Barros (Salgueiro-PE). Horário: 21h45. Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO). Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa-SP) e (Fifa-SP). Árbitro de vídeo: Péricles Bassols.

Santa Cruz vence Guarani no Arruda e mantém 100% de aproveitamento na Série B

Ficha do Jogo

Santa Cruz 2
Julio Cesar, Nininho, Anderson Salles, Bruno Silva e Tiago Costa; Elicarlos, David, André Luis(Roberto), Barbio (Thiago Primão)e Éverton Santos; Pitbull(Ricardo Bueno).Técnico: Vinícius Eutrópio.

Guarani 1
Leandro Santos; Lenon, Genilson, Jussani e Eron(Bruno Souza); Auremir, Evandro e Juninho(Caique); Bruno Nazario, Claudinho(Edinho) e Eliandro. Técnico: Vadão.

Estádio: Arruda (Recife-PE).

Árbitro: Daniel Nobre Bins (RS)

Assistentes: Elio Nepomuceno de Andrade Júnior (RS) e José Eduardo Calza (RS)

Gols: Pitbull (3’ do 1ºT) e Ricardo Bueno (39′ do 2°T)(S); Eliandro (34’ do 2°T)(G).

Cartões amarelos: André Luís (S); Auremir e Lenon (G)

Público: 6.090.

Renda: R$ 52.870,00.

Em processo de “reinvenção”, Náutico busca 1ª vitória na Série B diante do Figueirense

Ficha técnica

Náutico
Jefferson; David (Joazi), Tiago Alves, Nirley e Manoel; Darlan, Rodrigo Souza, Maylson, Erick e Alison (Cal); Anselmo. Técnico: Waldemar Lemos.

FigueirenseThiago Rodrigues; Dudu, Bruno Alves, Leandro Almeida e Iago; Zé Antônio, Dudu Vieira e Jorge Henrique; Robinho, Luidy e Henan. Técnico: Márcio Goiano.

Local: Orlando Scarpelli, em Florianópolis.

Horário: 16h30.

Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ).

Assistentes: Wendel de Paiva Gouveia (RJ) e Thiago Rosa de Oliveira (RJ).

Sport sai na frente, tem um jogador a mais em campo, mas sofre virada do Botafogo

Ficha do jogo

Botafogo 2
Gatito Fernandez; Emerson Silva, Joel Carli (Marcelo), Emerson e Victor Luís; Aírton (Matheus Fernandes), João Paulo, Bruno Silva e Camilo (Rodrigo Pimpão); Sassá e Guilherme. Técnico: Jair Ventura.
Sport 1
Magrão; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Mena; Fabrício (André), Ronaldo (Rodrigo), Rithely e Diego Souza; Lenis (Everton Felipe) e Rogério. Técnico: Ney Franco.
Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ).
Horário: 21h45.
Árbitro: Bráulio da Silva Machado (SC).
Assistentes: Kleber Lucio Gil (Fifa SC). Neuza Ines Back (Fifa-SC).
Gols: Samuel Xavier (8 min do 1º tempo) e Guilherme (11 min  e aos 37 do 2º tempo).
Cartões amarelos: Bruno Silva, Emerson Silva, Rodrigo Pimpão, Sassá (B), Fabrício, Mena, Ronaldo, Rodrigo (S).
Expulsão: Bruno Silva.
Público: 12.271.
Renda: R$ 199.730

Sport encara Botafogo em duelo que marca um mês de Ney Franco no comando do time

Ficha do jogo

Botafogo
Gatito Fernandez; Fernandez, Joel Carli, Emerson Silva e Victor Luís; Rodrigo Lindoso, Dudu Cearense, João Paulo e Camilo; Rodrigo Pimpão e Roger. Técnico: Jair Ventura.
Sport
Magrão; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Mena; Fabrício, Ronaldo e Rithely; Diego Souza, André e Rogério. Técnico: Ney Franco.
Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ).
Horário: 21h45.
Árbitro: Bráulio da Silva Machado (SC).
Assistentes: Kleber Lucio Gil (Fifa SC). Neuza Ines Back (Fifa-SC)

Trinta dias com Ney Franco

Jogos 
Campinense 3×1 Sport
Sport 3×1 Campinense
Sport 3×0 Danubio
Central 1×3 Sport
Sport 2×1 Joinville
Sport 3×2 Náutico
Joinville 2×1 Sport
Náutico 1×1 Sport
66,6%
Aproveitamento
*Nesse período, o Sport empatou com o Salgueiro por 2 a 2, mas com um time sub-20 comandando pelo técnico Júnior Câmara.