Sport

Sport faz jogo histórico no Castelão contra o Fortaleza

O primeiro estádio para a Copa do Mundo de 2014 vai ter um pernambucano em seu primeiro jogo oficial. O Sport vai à Fortaleza enfrentar a equipe homônima, pela terceira rodada da Copa do Nordeste, em seu grupo B, a partir das 16h deste domingo (27). Como se fosse pouco, o clássico regional pode definir a liderança da chave, hoje ocupada pelos rubro-negros com quatro pontos. O Tricolor do Pici tem um a menos assim como o Confiança, mas perde o segundo posto porque tem um gol a menos.

A festa também terá um jogo pelo grupo A. Ceará e Bahia se enfrentam a partir das 18h30. Nas tribunas, autoridades ligadas ao Mundial, como o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke; o ministro do Esporte, Aldo Rebelo; o presidente da CBF, José Maria Marin e os dois garotos-propaganda do Comitê Organizador Local (COL), os ex-jogadores Bebeto e Ronaldo.

Festa à parte, os rubro-negros estão mais preocupados com o jogo em si. O atacante Roger ressalta a importância de se conseguir um bom resultado, principalmente porque as duas equipes voltam a se enfrentar já no meio da semana, no Recife. Isso confere ao confronto uma característica de mata-mata, que pode definir os rumos da classificação.

“Esse jogo é muito importante porque se vencermos e também conseguirmos uma outra vitória na quarta-feira (também contra o Fortaleza, na Ilha), vamos deixar a nossa classificação para a segunda fase muito bem encaminhada. Mas temos que respeitar o Fortaleza, que vem de uma boa vitória (3×0 sobre o Sousa)”, disse o atacante Roger.

O técnico Vadão deve mudar apenas uma posição em relação ao time que venceu o Confiança, de virada, na última quinta-feira (24), na Ilha do Retiro. O atacante Marcos Aurélio, que marcou um belo gol no meio da semana, ganhou a posição de Gilson. Mas o esquema 4-3-3 está mantido.

Ele acredita que pelas dimensões do campo, o time tem que forçar mais a marcação. E se for para entrar para a história do novo Castelão, que seja como a primeira equipe a vencer uma partida lá e, de quebra, abrir um caminho mais claro para a classificação. Fazer parte da inauguração da Arena Castelão motiva, mas não é o nosso ponto fundamental. O que vamos buscar é a vitória para deixar a nossa classificação bem encaminhada”, argumentou.

FORTALEZA – O time da casa deve ir a campo com a mesma formação que venceu o Sousa por 3×0 no jogo anterior. Esse jogo marcou a reabilitação do Fortaleza, que vinha de um revés de 3×1 frente ao Confiança, na estreia. O meia Leandro reclama de dores na coxa direita, mas não preocupa o departamento médico.

Ficha do jogo:

Fortaleza: João Carlos; Luis Felipe, Ciro Sena, Ronaldo Angelim e Lucas; Marinho Donizete, Esley, Everton e Leandro; Assisinho e Jaílson. Técnico: Vica.

Sport: Magrão; Cicinho, Gabriel, Mateus e Reinaldo; Fábio Bahia, Rithely e Hugo; Marcos Aurélio, Roger e Felipe Azevedo. Técnico: Vadão.

Local: Arena Castelão. Horário: 16h. Árbitro: Ítalo Medeiros de Azevedo (RN). Assistentes: Izac Márcio Oliveira e Vinícius Melo de Lima (ambos do RN). Ingressos: cadeira Superior: R$ 50 e R$ 25 (meia), cadeira Inferior: R$ 80 e R$ 40 (meia), setor premium: R$ 150 e R$ 75; setor especial: R$ 100 e R$ 50 (meia).

Fonte:  Wladmir Paulino ÀS 17:18 EM 26 DE Janeiro DE 2013

No Recife, Sport vence Confiança de virada e toma liderança do grupo B

Sport e Confiança fizeram um jogo equilibrado na noite desta quinta-feira na Ilha do Retiro, mas os donos da casa precisaram de apenas dois minutos para mudar a sorte da partida. Os pernambucanos começaram atrás no placar, mas se recuperaram e venceram os sergipanos por 3 a 1, de virada. Com o resultado, o Leão foi a quatro pontos e tomou a liderança do grupo B da Copa do Nordeste das mãos do adversário.

O Confiança abriu primeiro o placar com Diego Neves, aos 30 minutos do primeiro tempo. Na etapa complementar, o Sport enfim conseguiu furar o ferrolho imposto pelos sergipanos. Aos 32 minutos, Reinaldo empatou. A virada veio dois minutos depois com Marcos Aurélio. O atacante arriscou de fora da área e brindou a torcida com um golaço em sua primeira atuação com a camisa rubro-negra. O terceiro gol dos donos da casa saiu nos acréscimos aos 48 minutos com Felipe Menezes.

No Recife, o Confiança até tentou repetir o excelente desempenho da estreia, quando goleou o Fortaleza por 3 a 0, mas pagou um preço alto por querer administrar a partida depois de marcar 1 a 0. O time é o segundo colocado, pois tem os mesmos três pontos do tricolor cearense e leva a melhor nos critérios de desempate. O público total do jogo na Ilha do Retiro foi 19.036 torcedores para uma renda de R$ 128.060,00.

Na próxima rodada, o Sport vai encarar o Fortaleza no domingo às 17h (horário de Brasília). A partida faz parte da inauguração oficial do estádio Castelão, que receberá no mesmo dia o Ceará e o Bahia (às 19h30m). O Confiança voltará a jogar fora de casa e pega o Sousa também no domingo às 17h (horário de Brasília).
Sport x Confiança (Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press)
Confiança marcou gol no primeiro tempo, mas Sport virou o placar (Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press)

Confiança não se intimidou

O público no começou do jogo não era o esperado na Ilha do Retiro e isso talvez tenha deixado o Confiança à vontade para jogar no Recife no primeiro tempo. Sem maiores pressões da arquibancada, antes do primeiro minuto de jogo, os visitantes já tentavam a primeira jogada de ataque com Ângelo, que cruzou para a área. A bola, no entanto, ficou nas mãos do goleiro Magrão.

O Sport tentou responder com as investidas do atacante Felipe Azevedo, mas também não passou de tentativas em vão devido aos erros no último passe e à retranca imposta pelo Confiança. O primeiro chute a gol do Leão ocorreu apenas aos cinco minutos. Roger arriscou de longe e o goleiro Fábio defendeu sem problemas.

Daí em diante o que se viu foi os times se alternarem no ataque. O Confiança apostava no jogo aéreo e em chutes de longa distância. Por sua vez, o Sport tocava a bola até chegar a área, mas os erros de passe colocavam fim às jogadas ofensivas. Magrão, do lado dos donos da casa, e Fábio, pelos visitantes, não tiveram trabalho nos chutes a gol de seus adversários.

Sport x Confiança (Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press)
Sport teve dificuldades para furar retranca do
Confiança (Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press)

Com o passar do tempo, o jogo ficou concentrado no meio-campo e os ataques rarearam. Aos 22 minutos, para tentar furar a defesa do Sport, Richardson arriscou de longe. A bola desviou na zaga e quase engana o goleiro Magrão. Aos 28 minutos, Felipe Azevedo cruzou para a área, o goleiro Fábio vacilou e a bola foi parar nos pés de Gilsinho, que não conseguiu empurrar para as redes.

A chance desperdiçada pelo Sport foi aproveitado pelo Confiança aos 30 minutos. Richardson cobrou escanteio na cabeça de Diego Neves, que abriu o placar na Ilha do Retiro. Os donos da casa tentaram não se abalar e se lançaram em busca do empate. Aos 38 minutos, Gilsinho se chocou com um  e caiu na área, pedindo pênalti. O juiz não marcou e deu cartão amarelo ao atacante rubro-negro.

No primeiro tempo, o goleiro Magrão ainda pregou um susto na torcida do Sport ao “bater roupa” em um chute de Diego Neves aos 39 minutos. A resposta rubro-negra ocorreu com o zagueiro Gabriel, que quase surpreende o goleiro Fábio em uma cabeceada. O lance foi o último mais empolgante do primeiro tempo, encerrado aos 47 minutos pelo árbitro Francisco Carlos.

Sport pressiona e vira

Para o segundo tempo, o Confiança voltou sem alterações. O Sport mudou as peças no ataque, com a saída de Gilsinho, bastante criticado pela torcida, para a entrada de Marcos Aurélio. As alterações surtiram efeito e o Leão se mostrou mais perigoso nos minutos iniciais da partida com presença constante na área adversária.

Aos quatro minutos, Roger recebeu um cruzamento de Felipe Azevedo e cabeceou o gol à queima-roupa. O empate só não saiu porque goleiro Fábio defendeu a bola, ainda que no susto, usando o ombro. Sentindo o bom momento do Sport, o Confiança passou a parar o jogo a partir de faltas. O treinador Nadélio Rocha também tentou dar mais gás ao time ao tirar Da Silva para a entrada de Gilmar Baiano.

Com o passar do tempo, o Confiança conseguiu esfriar os ânimos do Sport e os pernambucanos voltaram a ter dificuldades de articular jogadas de ataque. O técnico Vadão então gastou as duas substituições restantes tirando Cicinho e Hugo para a entrada de Moacir e Felipe Menezes, respectivamente.

Com as novas peças em campo, a sorte do Sport mudou. Felipe Menezes avançou pela esquerda, se livrou de Ângelo e cruzou para a área. A bola sobrou para Reinaldo, que chutou cruzado e viu a bola desviar na zaga e encobrir o goleiro Fábio aos 32 minutos. Dois minutos depois, foi a vez do estreante Marcos Aurélio balançar as redes. O atacante chutou de fora da área para marcar o gol que garantiu a vitória e a liderança do grupo B para o Sport.

Depois do gol, o Confiança deixou a zona de conforto e se aventurou no ataque em busca do empate. Os visitantes conseguiram alguns lances de perigo, causando susto na torcida rubro-negra, mas não passou disso e ainda viu o Sport marcar o terceiro aos 48 minutos com o meia Felipe Menezes.

globo.com

Copa Nordeste 2013 Tabela & Classificação

Regulamento
A competição será disputada entre 16 times, que estarão divididos em quatro grupos, todos jogando contra todos em sistema de ida e volta. Os dois primeiro de cada grupo se classificam para as quartas de final. À partir de então, a competição se torna mata-mata, com jogos de ida e volta, até a grande final.
Final
1ª RODADA
10/03 – 16h00 ASA 1 x 2 Campinense
2ª RODADA
17/03 – 16h00 Campinense 2 x 0 ASA
Semifinal
1ª RODADA
24/02 – 16h00 ASA 3 x 3 Ceará
24/02 – 18h30 Fortaleza 2 x 1 Campinense
2ª RODADA
3/03 – 16h00 Campinense 1 x 0 Fortaleza
3/03 – 18h30 Ceará 0 x 1 ASA
Quartas de final
1ª RODADA
13/02 – 20h15 ASA 0 x 0 ABC
13/02 – 22h15 Campinense 0 x 0 Sport
13/02 – 22h15 Fortaleza 3 x 3 Santa Cruz
14/02 – 22h15 Ceará 0 x 2 Vitória
2ª RODADA
16/02 – 17h00 Sport 2 x 2 Campinense
16/02 – 19h30 ABC 1 x 2 ASA
17/02 – 16h00 Vitória 1 x 4 Ceará
17/02 – 16h00 Santa Cruz 1 x 2 Fortaleza
1.ª Fase
Grupo A
1ª RODADA
19/01 – 17h00 Ceará 1 x 0 ABC
19/01 – 19h30 Bahia 3 x 2 Itabaiana
2ª RODADA
23/01 – 22h15 Itabaiana 0 x 0 Ceará
23/01 – 22h15 ABC 1 x 1 Bahia
3ª RODADA
26/01 – 17h00 Itabaiana 3 x 1 ABC
27/01 – 19h30 Ceará 0 x 1 Bahia
4ª RODADA
31/01 – 20h15 ABC 4 x 1 Itabaiana
31/01 – 22h15 Bahia 1 x 2 Ceará
5ª RODADA
3/02 – 19h30 Bahia 0 x 3 ABC
3/02 – 19h30 Ceará 3 x 0 Itabaiana
6ª RODADA
6/02 – 22h15 Itabaiana 0 x 0 Bahia
6/02 – 22h15 ABC 3 x 0 Ceará
Grupo B
1ª RODADA
20/01 – 17h00 Confiança 3 x 0 Fortaleza
20/01 – 17h00 Sousa 1 x 1 Sport
2ª RODADA
24/01 – 20h15 Fortaleza 3 x 0 Sousa
24/01 – 22h15 Sport 3 x 1 Confiança
3ª RODADA
27/01 – 17h00 Fortaleza 0 x 0 Sport
27/01 – 17h00 Sousa 0 x 1 Confiança
4ª RODADA
30/01 – 20h15 Confiança 2 x 2 Sousa
30/01 – 22h15 Sport 3 x 0 Fortaleza
5ª RODADA
3/02 – 17h00 Confiança 0 x 0 Sport
3/02 – 17h00 Sousa 0 x 1 Fortaleza
6ª RODADA
6/02 – 22h15 Sport 6 x 1 Sousa
6/02 – 22h15 Fortaleza 3 x 0 Confiança
Grupo C
1ª RODADA
19/01 – 17h00 Salgueiro 1 x 0 ASA
20/01 – 17h00 América 1 x 2 Vitória
2ª RODADA
23/01 – 20h15 ASA 0 x 1 América
23/01 – 20h15 Vitória 5 x 1 Salgueiro
3ª RODADA
26/01 – 19h30 América 2 x 0 Salgueiro
27/01 – 17h00 Vitória 2 x 1 ASA
4ª RODADA
29/01 – 22h15 Salgueiro 2 x 1 América
30/01 – 22h15 ASA 2 x 0 Vitória
5ª RODADA
2/02 – 19h30 América 0 x 1 ASA
3/02 – 17h00 Salgueiro 0 x 1 Vitória
6ª RODADA
6/02 – 22h15 Vitória 1 x 1 América
6/02 – 22h15 ASA 2 x 1 Salgueiro
Grupo D
1ª RODADA
19/01 – 19h30 Feirense 2 x 2 Campinense
20/01 – 19h30 Santa Cruz 1 x 0 CRB
2ª RODADA
23/01 – 21h15 CRB 3 x 1 Feirense
23/01 – 22h15 Campinense 3 x 0 Santa Cruz
3ª RODADA
26/01 – 17h00 Santa Cruz 2 x 0 Feirense
27/01 – 19h30 Campinense 1 x 0 CRB
4ª RODADA
30/01 – 20h15 CRB 1 x 2 Campinense
30/01 – 22h15 Feirense 0 x 1 Santa Cruz
5ª RODADA
2/02 – 17h00 Santa Cruz 2 x 0 Campinense
2/02 – 17h00 Feirense 1 x 2 CRB
6ª RODADA
6/02 – 22h15 Campinense 1 x 0 Feirense
6/02 – 22h15 CRB 2 x 3 Santa Cruz

Contra o Confiança, Sport quer fazer bonito diante da sua torcida

As marcas negativas do Sport em 2012 podem começar a ser apagadas nesta quinta-feira na Ilha do Retiro. Diante do Confiança/SE, o Leão terá seu primeiro compromisso em 2013 jogando em seus domínios. A partida, que começa às 21h15, é válida pela segunda rodada da Copa do Nordeste e pode colocar o time do técnico Vadão na liderança do Grupo B, em caso de triunfo.

Com um ponto conquista no empate em 1×1 com o Sousa, na rodada inaugural, o Sport entra em campo contra um adversário que surpreendeu na primeira rodada. Jogando no Batistão, o time do técnico Nadélio Rocha não tomou conhecimento do Fortaleza e venceu o Fortaleza por 3×0. O resultado só não surpreendeu o próprio time sergipano, que desde o ano passado treina forte para a competição.

Hugo volta. Marcos Aurélio pode fazer a estreia

No time rubro-negro está definido para encarar o Confiança. Depois de ficar de fora contra o Sousa, devido a uma lesão no tornozelo esquerdo, o meia Hugo foi confirmado por Vadão como titular para a partida. Com isso, Felipe Menezes, que se destacou na pré-temporada, volta para o banco de reservas e fica como opção.

Mas a novidade mesmo para este segundo jogo do Sport pode ser a estreia do meia-atacante Marcos Aurélio. O jogador, que desembarcou no Recife depois de uma troca com o atacante Gilberto junto ao Internacional, teve ser nome publicado no BID da CBF e ficará no banco de reservas nesta quinta-feira, podedendo entrar no decorrer da partida.

De resto, o time do Sport será o mesmo da primeira rodada. É bom o torcedor do Sport já ir se acostumando com esse time. Tudo indica que Vadão seguirá com esse time por mais rodada. Mudanças devem ocorrer somente em caso de futuras lesões ou contratação de algum reforço de peso.

Váldson é a estrela sergipana

Time com pouca tradição no cenário nacional, o Confiança quer fazer bonito nessa Copa do Nordeste. E no seu elenco, um jogador em si chama mais a atenção. É o veterano zagueiro Váldson. Com passegem por times como Flamengo, Botafogo, Corinthians e Santa Cruz, o zagueiro é a voz da experiência no clube.

Mas o fato que chama mais atenção para essa partida é a manutenção do esquema 3-5-2. A ideia é dar mais liberdades para os alas subirem ao ataque para abastecer os atacantes Da Silva e Diego Neves.

Ficha técnica: Sport x Confiança

Sport: Magrão; Cicinho; Gabriel, Mateus e Reinaldo; Fábio Bahia; Rithely e Hugo; Felipe Azevedo, Gilsinho e Roger. Técnico: Vadão

Confiança
: Fábio, Ângelo, Renê, Valdson, Alexandre e Augusto Ramos; Lismar, Richardson e Paulinho Mossoró; Da Silva e Diego Neves. Técnico: Nadélio Rocha

Copa do Nordeste – 2ª rodada – Local: Ilha do Retiro – Horário: 21h15 – Árbitro: Frascisco Carlos do Nascimento (AL). Assistentes: Otávio Correia de Araújo Neto (AL) e Thalis Augusto Monteiro (AL).

POSTADO POR Anderson Malagutti ÀS 19:35 EM 23 DE Janeiro DE 2013

Com gol no fim e lance polêmico, Sport empata com o Sousa em 1×1

Jogando fora de casa, o Sport teve que contar com um gol no final da partida para empatar com o Sousa em 1×1, no Marizão, Paraíba, pela primeira rodada do grupo B da Copa do Nordeste. Leandro abriu o placar para os donos da casa aos 19 minutos do segundo tempo, enquanto o atacante Roger marcou um belo gol no fim da partida aos 43. Na próxima rodada, o Leão encara o Confiança, de Sergipe, na Ilha do Retiro. Já o Sousa visita o Fortaleza, no Presidente Vargas.

O JOGO – A partida se desenhou da maneira como o técnico Vadão estava prevendo durante a semana, ou seja, como a exploração das bola aéreas pelas duas equipes devido ao estado do gramado do Marizão, considerado de dimensões reduzidas e ruim. A bola ficou “viva” no campo e prejudicou o toque de bola mais refinado. A vantagem acabou sendo do Sousa, melhor adaptado ao gramado. A equipe paraibana arriscou vários chutes de fora da área e explorou muitos cruzamentos. Na melhor chance dos donos da casa, o lateral Toty acertou a trave de Magrão. No rebote, Jessuí mandou para fora.

Sem a bola, o Sport dava espaços no meio de campo e deixava os jogadores do Sousa evoluírem. Os espaços também apareciam nas laterais. Quando tentava atacar, o Leão explorava as alas com o quarteto Felipe Azevedo, Gilsinho, Cicinho e Reinaldo. Felipe Menezes fez uma primeira etapa apagada.

Aos 27, o lance polêmico do primeiro tempo. Felipe Azevedo recebeu bola dentro da grande área, se chocou com o defensor e caiu. O árbitro assinalou pênalti. No entanto, após conversa com o auxiliar, Leandro Saraiva Dantas mudou de ideia e desmarcou a penalidade para revolta dos atletas rubro-negros.

Apesar da confusão, o panorama não mudou muito no fim do primeiro tempo. O Sousa continou a encontrar facilidades para chegar ao ataque, enquanto o Sport seguiu explorando as laterais. As chances claras, porém, foram poucas. O empate manteve-se.

SEGUNDO TEMPO
– As duas equipes voltaram mais dispostas para a disputa da segunda etapa. Tanto Sport como Sousa pareciam mais acostumados com o gramado e o clima quente do Marizão. Aos 11, Roger quase abriu o placar após rebote do goleiro Marcelo. O zagueiro Leandro tirou em cima da linha. Um minuto depois, em jogada de contra-ataque, Márcio Tarrafas desperdiçou boa chance.

No entanto, o gol sairia de uma jogada de bola parada. Aos 19, após cobrança de falta próxima à marca de escanteiro, o zagueiro Leandro tocou de cabeça para o fundo das redes. O detalhe é a falha na marcação leonina, afinal Leandro teve que se abaixar para tocar na bola.

Em desvantagem, o Sport foi para cima do adversário com o objetivo de empatar. O técnico Vadão também procurou fazer alterações na equipe com a mesma intenção. De fato, o Rubro-negro passou a criar mais chances. No entanto, o Sousa também levava perigo nos contra-ataques. Aos 35, as duas equipes tiveram chances claras de maneira seguida. Primeiro foi o Sport com Felipe Azevedo que acertou a trave, depois foi o Sousa com Ila que mandou bola na rede pelo lado de fora.

O atacante Roger era um dos que mais tentava o gol. O goleiro Marcelo Silva e a falta de pontaria eram os inimigos do jogador na partida. No entanto, aos 43, o avançado acertou um belo chute de fora da área mancando um golaço. Era o empate do Leão.

Com o gol sofrido no fim, não deu tempo para o Sousa reagir. A igualdade foi o resultado com o apito final do árbitro.

FICHA DA PARTIDA – SOUSA 1×1 SPORT

Sousa: Marcelo Silva; Toty, Uílton (Alison), Lima e Canilo; Leandro, Daniel Pitbull, Misso (Talison) e Márcio Tarrafas; Jessuí e Ila. Técnico: Reginaldo Sousa.

Sport: Magrão; Cicinho, Gabriel, Mateus e Reinaldo (Renê); Fábio Bahia, Rithelly e Felipe Menezes (Moacir); Felipe Azevedo, Gilsinho (Ruan) e Roger. Técnico: Vadão.

Copa do Nordeste – Grupo B. Local: Marizão, Sousa (PB). Árbitro: Leandro Saraiva Dantas (Rio Grande do Norte). Auxiliares: Flávio Gomes Barroca e Izac Márcio da Silva (Rio Grande do Norte). Gols: Leandro (Sousa) aos 19 do segundo tempo e Roger (Sport) aos 43. Amarelos: Felipe Azevedo (Sport), Reinaldo (Sport), Cicinho (Sport), Camilo (Sousa), Renê (Sport) e Jessuí (Sousa).

NE10

Vadão confirma time e quer o Sport jogando pelas laterais

Conforme já tinha adiantado durante a semana, o técnico Vadão utilizará o mesmo time da pré-temporada no primeiro compromisso do Sport no ano. A única mudança na equipe, que enfrenta o Sousa, na Paraíba, no próximo domingo (20), pela Copa do Nordeste, será a entrada de Felipe Menezes no lugar de Hugo, vetado pelo departamento médico.

Sendo assim, o time titular do Sport será: Magrão; Cicinho, Gabriel, Mateus e Reinaldo; Fábio Bahia, Rithelly e Felipe Menezes, Felipe Azevedo, Gilsinho e Roger.

Como o gramado do estádio Marizão é de dimensões pequenas e considerado ruim pelos rubro-negros, o objetivo do técnico Vadão é explorar as laterais e o jogo aéreo. Nesse tipo de estratégia, o centroavante Roger terá papel fundamental. “O Roger protege bem a bola e sabe desviar na área. Ele vai ser o alvo da nossa bola comprida”, analisou o comandante rubro-negro.

Com relação à ausência de Hugo, Vadão avaliou que o time perderá em alguns pontos como a distribuição de bola, mas que ganhará em termos de imprevisibilidade. “O Hugo cadencia mais o jogo, enquanto o Felipe é mais agudo e faz jogadas individuais. Muda a característica do time, mas ganhamos um caráter mais rompedor”.

O técnico ainda considerou que o time não está 100% pronto na atual temporada, mas que ficará com a famosa “cara do treinador” dentro de três ou quatro jogos. Apesar do tempo de espera, o comandante garante que o Sport irá brigar pelo título da Copa do Nordeste. “Todo mundo quer ser campeão e vamos tentar atender a expectativa do torcedor”.

POSTADO POR Thiago Wagner da Silva ÀS 19:28 EM 18 DE Janeiro DE 2013

Treinador do futebol feminino do Sport é baleado na Av. Caxangá

O técnico do futebol feminino do Sport Club do Recife, Bruno Angeiras, 54 anos, foi baleado, por volta das 18h desta quarta-feira (16), na saída do Colégio Desafio, na Av. Caxangá, próximo ao viaduto, onde ele dá aulas de educação física. Angeiras estava a caminho da Ilha do Retiro, para mais um dia de treino, quando foi surpreendido pela abordagem dos bandidos.

De acordo com informações do filho do treinador, Leonardo Angeiras, 29, o técnico estava em seu carro, um Meriva, quando quatro homens chegaram ao local em um outro automóvel. Um deles tentou assaltar Angeiras, que desceu do carro e tentou entregar a chave, entretanto, neste momento, o bandido efetuou o disparo. Os quatro fugiram em seguida sem levar nenhum pertence da vítima. O tiro atingiu o ombro esquerdo do treinador.

Angeiras foi socorrido e encaminhado ao Hospital Getúlio Vargas, no bairro do Cordeiro, onde está lúcido e já realizou o Raio-X. Após o resultado do exame, ele será submetido a uma cirurgia para a retirada da bala. O treinador chegou ao hospital consciente e aguarda a liberação da equipe médica para ser transferido. A família ainda está analisando para qual hospital ele será encaminhado.

TRAJETÓRIA RUBRO-NEGRA -Após dirigir a equipe do Vitória, Bruno Angeiras voltou ao Sport Club do Recife em julho de 2012. Na ocasião, o grupo tinha acabado de perder o título estadual e não iria mais competir no segundo semestre. A convite da diretoria, Angeiras reassumiu o comando da categoria para que o futebol feminino do Leão não chegasse ao fim.

 Fonte: NE10

Sport contrata o volante Marino

Depois de dar o primeiro ciclo de contratações como encerrado, o Sport parece ter mudado de ideia e está de volta ao mercado. O clube acertou hoje à noite a contratação do volante Marino, que vai assinar contrato até o fim da temporada. O atleta estava no Atlético-GO. Além dele, o time rubro-negro ainda está em busca de um atacante para fechar o elenco.

Marino tem 26 anos e já defendeu Icasa, Audax-SP, Cene e Oeste. O Leão da Ilha já acertou com dois volantes para a temporada 2013:Rodriguinho e Fábio Bahia. Esse último, vale ressaltar, jogou como titular nos dois amistosos da pré-temporada.

“Marino é mais um bom jogador que estamos contratando para o nosso elenco. Ele chega com contrato de um ano e, assim como os outros, é um atleta que chega com o consenso da comissão técnica, diretoria de futebol e comitê gestor”, comentou o Vice-presidente de Futebol do Sport, Milton Bivar.

Brenno Costa – Diario de Pernambuco

Sport vence o Boca Juniors de Sergipe por 4×0

Em mais um amistoso de preparação para a temporada 2013, o Sport bateu o Boca Juniors, de Sergipe, por 4×0, na tarde desta terça-feira (15), no estádio Nelson Feijo, em Maceió, onde o Leão faz a pré-temporada. O grande destaque da movimentação foi o meia Felipe Menezes, que marcou duas vez. Gilsinho e o jovem Sandrinho anotaram os outros gols.

No primeiro tempo, o Rubro-negro foi com a mesma formação utilizada no amistoso anterior: Magrão; Cicinho, Mateus, Gabriel e Reinaldo; Fábio Bahia, Rithelly e Hugo; Felipe Azevedo, Gilsinho e Roger. Durante a primeira etapa, Hugo saiu com uma entorse no tornozelo esquerdo. Felipe Menezes entrou no seu lugar.

No segundo tempo, Vadão trocou outra vez todo o time, com exceção de Felipe Menezes, que já estava em campo. Matheus; Bruno Aguiar, Ailson e Oswaldo; Moacir, Tobi, Rivaldo, Diego Torres e Renê; Felipe Menezes e Sandrinho foi a escalação.

Fotos: Renato Barros/Rádio Jornal

POSTADO POR Thiago Wagner da Silva ÀS 17:56 EM 15 DE Janeiro DE 2013

 

Sport anuncia contratação do atacante Marcos Aurélio

Através de seu site oficial, o Sport confirmou a contratação do atacante Marcos Aurélio, de 28 anos, que defendeu o Internacional no último ano. Ele é o sétimo reforço leonino para 2013 e se junta a Roger (atacante), Gabriel (zagueiro), Fábio Bahia (volante), Mateus (zagueiro), Maurício (zagueiro) e Rodriguinho (volante). O Náutico também estava interessado no atleta.

Marcos Aurélio de Oliveira Lima é matogrossense e começou no futebol nas divisões de base do Corinthians, há dez anos. Passou por União Barbarense, Vila Nova, Ituano, Bragantino, Atlético Paranaense, Santos, Shimizu (Japão) e Coritiba. O contrato dele vai até o fim do ano e sua vinda é uma compensação do Inter pelo retorno de Gilberto antes do fim do contrato.

Ele tem 1,68m e 66kg. Seus melhores dias foram no Coritiba, clube que defendeu entre 2009 e 2011, tendo sido campeão da Série B em 2010. No ano passado, pelo Inter, foi utilizado em três jogos do Estadual (um gol) e 11 no Brasileiro (não marcou).

POSTADO POR Wladmir Paulino