Com zagueiros artilheiros, Brasil se redime e elimina Colômbia

David Luiz marcou um golaço de falta e garantiu a vitória brasileira ante a Colômbia |Crédito: Alex Livesey/Fifa

Pressionado por uma boa atuação, o Brasil encarou a Colômbia, no Castelão, e conseguiu finalmente aliviar a tensão graças a dupla de zaga Thiago Silva e David Luiz, que marcaram os gols do triunfo canarinho. Com a vitória por 2 x 1, a seleçao brasileira agora volta ao MIneirão, na próxima terça-feira, onde encara a Alemanha, pelas semifinais.

Após mais um show das arquibancadas, os comandados de Felipão entraram acesos em campo e abriram o placar aos sete minutos. Após cobrança de escanteio, Thiago Silva apareceu sozinho no segundo pau e de joelho escorou para o gol vazio.

David Luiz_Daniel Alves_James Rodríguez

Mesmo com a vitória parcial, o Brasil quase ampliou aos 19. Hulk recebeu de Neymar e fuzilou Ospina, que espalmou para o meio da área, na sequência Oscar pegou o rebote e obrigou outra grande intervenção do goleiro colombiano.

Diferentemente dos outros quatro jogos, o Brasil tinha o domínio completo da partida com 53% de posse de bola. A Colômbia vivia dos lampejos de James Rodríguez, que bem marcado pela defesa brasileira finalizou apenas uma vez. O primeiro tempo terminou com nove chutes à gol do Brasil e quatro da Colômbia.

Na volta do intervalo, Pekerman sacou Ibarbo para a entrada de Adrian Ramos. Os Cafeteros melhoraram e passaram a chegar com mais perigo. James Rodríguez resolveu aparecer e começou a organizar mais o jogo no meio-campo. Acuado, o Brasil apenas dava chutões e parava as ações adversárias na base da falta. O capitão Thiago SIlva interceptou a saída do goleiro Ospina e recebeu o cartão amarelo, que o deixa fora das semifinais.

A Colômbia chegou ao gol, mas o árbitro já tinha assinalado falta de ataque. Mesmo no pior momento da partida, o Brasil conseguiu ampliar. David Luiz cobrou falta quase da intermediária e mandou no ângulo, sem chances para Ospina. O gol credenciou mais  uma brilhante atuação do melhor jogador da Copa do Mundo.

Mas, o artilheiro resolveu aparecer. James Rodríguez achou Bacca no meio da área, o atacante foi derrubado por Júlio César e o árbitro assinalou pênalti. O camisa 10 bateu bem e diminiuiu para 2 x 1.

Preocupado em segurar a vantagem, Felipão sacou Hulk para a entrada de Ramires, e na sequência trocou Paulinho por Hernanes. No lance seguinte, Neymar levou uma pancada e sem condições de jogo teve que ser substituído por Henrique.

4/7 – CASTELÃO (FORTALEZA-CE)

BRASIL 2 X 1 COLÔMBIA

J: Carlos Velasco (Espanha); P: 60 342; G: Thiago Silva 6 do 1°, David Luiz 22 e James Rodríguez 34 do 2°; CA: Thiago Silva, James Rodríguez, Yepes, Julio Cesar

BRASIL: Julio Cesar (6), Maicon (6), Thiago Silva (8), David Luiz (8,5) e Marcelo (7); Fernandinho (8), Paulinho (6,5) (Hernanes 40 do 2° (s/n)), Hulk (6) (Ramires 37 do 2° (6)) e Oscar (6); Neymar (5,5) (Henrique 41 do 2° (s/n)) e Fred (5). T: Luiz Felipe Scolari

COLÔMBIA: Ospina (5,5), Zuniga (5), Zapata (5), Yepes (6,5) e Armero (5,5); Sánchez (5), Guarín (5), Cuadrado (5,5) (Quintero 35 do 2° (5,5)) e James Rodríguez (6,5); Ibarbo (5) (Ramos – intervalo (5,5)) e Teófilo Gutiérrez (5) (Bacca 24 do 2° (5)). T: José Pekerman

Fonte: PLACAR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *