CHÃ GRANDE SONHA COM VAGA NA COPA DO BRASIL

Chã Grande se prepara para início do Pernambucano Coca-Cola 2013. Dois amistosos estão sendo marcados, com equipes a serem definidas. Confira as novidades.

Pela primeira vez na história do clube, o Chã Grande disputa a primeira divisão do campeonato Pernambucano. O time fundado em 2010, em parceria com o Decisão, time da cidade de Recife, teve como primeiro nome Chã Grande/Decisão. Após término da parceria entre os clubes, a Raposa da Mata Sul registrou-se em 2012 na Federação Pernambucana de Futebol (FPF) como Chã Grande Futebol Clube. Em 2013, o Chã Grande comemora a histórica ascensão para a Série A1. No dicionário do clube, as palavras trabalho e dedicação ocupam a primeira página.

Para o Estadual deste ano, as partidas serão realizadas no Estádio Carneirão, na cidade de Vitória do Santo Antão, já que o Barbosão se encontra em reforma para ampliação e colocação de arquibancadas fixas no estádio. A previsão é que fique pronto após o Pernambucano. “A exigência para receber jogos na primeira divisão é que o estádio tenha capacidade para 5 mil pessoas. Atualmente, ele só acomoda 3.400 pessoas, por isso começamos as obras”, disse o superintende de futebol do Chã Grande, Carlos Neve.

A expectativa para o início do campeonato é grande. Os atletas iniciaram a pré-temporada na última quarta-feira (02) e já se preparam para os dois amistosos que estão sendo programados, os adversários ainda estão sendo definidos. A única certeza é que um jogo será com um time de fora do Estado, informou o superintendente de futebol. “Temos como novidade esse ano a mudança do nosso padrão. Fizemos uma parceria com a empresa Garra. O padrão tanto de treino quanto de jogo está diferente, mais bonito”, revelou.

Sobre o time que está sendo preparado para a disputa do Pernambucano 2013, a base está mantida. A comissão técnica é a mesma, com o treinador Paulo Júnior à frente do time. Além disso, 11 jogadores que participaram da segunda divisão do ano passado renovaram seus contratos com o clube. “Mantivemos a base do campeonato que passou. Os novos atletas que estão chegando são reforços. O nosso grande objetivo é permanecer na primeira divisão. Mas vamos tentar alçar voos mais altos, como conquistar uma vaga na Copa do Brasil ou conquistar o acesso para a disputa da Série D. Por último – sabemos que é difícil, mas que pode acontecer – é a nossa classificação no quadrangular final”, afirmou. Nós temos alguns jogadores de destaque no elenco como o meia Thiago Lima (ex Náutico) e os jogadores Edvan, Marcos Mendes e Robson Baiano (ex Santa Cruz). “Ainda pretendemos contratar mais três atletas para fechar o elenco com 29 jogadores”, disse o dirigente.

A torcida changrandense pode ficar tranquila quanto à disputa deste ano – pelo menos é isso que garante Carlos Neves: “O  torcedor pode esperar um time com a mesma garra da segunda divisão ou até maior. Nós estamos precisando do apoio dos torcedores para que o time não caia. Temos que permanecer na Série A1 e levar nosso clube para longe”, finalizou.

Fonte: FPF Comunicação

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.