Com direito a susto de Rosberg, Sebastian Vettel faz a pole em Cingapura

Por F1Team

Quando um piloto sabe que fez um tempo suficiente para não ser alcançado por mais ninguém, ele fica nos boxes apenas assistindo os rivais tentarem batê-lo. E foi isso que Sebastian Vettel fez neste sábado em Marina Bay. Totalmente superior aos rivais durante o treino, o alemão pôde se dar ao luxo de só sair para dar uma volta no Q3 e acompanhou o fim da classificação nos boxes, já fora do carro.

Vettel vai largar na pole

Mesmo fora da pista nos últimos minutos do treino, Seb garantiu mais uma pole position na carreira, agora para o GP de Cingapura de Fórmula 1. Com o tempo de 1min42s841, o piloto da Red Bull não foi alcançado por mais ninguém e pôde comemorar mais uma vez o fato de largar na frente.

Mas a felicidade de Vettel por pouco não se transformou em frustração. É que no apagar das luzes o alemão Nico Rosberg ameaçou seriamente tomar a pole do tricampeão. Em sua última tentativa, o piloto da Mercedes marcou o tempo de 1min42s932, arrancando um suspiro aliviado de Seb, que logo em seguida pôde comemorar.

Rosberg, que também foi muito bem, partirá na segunda colocação, seguido por Romain Grosjean, da Lotus, que voltou a surpreender a todos ao fazer um tempo muito bom. O ritmo do francês soa como uma resposta as críticas que vem recebendo ultimamente.

O brasileiro Felipe Massa, que não estava indo tão bem nos treinos livres, deu a volta por cima e agora irá largar na frente do seu companheiro de equipe, Fernando Alonso. Ele parte em sexto amanhã, enquanto o espanhol sai da sétima colocação.

A decepção da classificação, sem dúvidas, ficou por conta de Kimi Raikkonen. Recentemente anunciado pela Ferrari, o finlandês não teve um bom ritmo hoje devido a uma forte dor nas costas. Ele vai largar na décima terceira colocação amanhã.

Vettel(C), Rosberg(D) e Grosjean(E) largarão na frente em Cintapura

Vettel(C), Rosberg(D) e Grosjean(E) largarão na frente em Cintapura

O treino

Ao contrário do que dizia a previsão do tempo, o treino qualificatório deste sábado foi realizado nas condições ideais da pista de Marina Bay. Sem chuva, os pilotos puderam acelerar ao máximo para conseguir brigar pelas posições. No entanto, as altas temperaturas de Cingapura acabaram por prejudicar um pouco os pneus, que se desgastaram rapidamente, o que foi bom para o equilíbrio da disputa.

Q1

Assim como o clima em Cingapura, o treino classificatório começou muito quente. Com alguns carros demonstrando dificuldade para buscar o melhor tempo, alguns pilotos “penaram” para conseguir passar para o Q2. Dentre eles estava o brasileiro Felipe Massa. Ele só conseguiu um tempo suficiente para passar para a segunda fase na sua última tentativa. E por muito pouco não foi parar no muro quando o carro saiu de traseira em uma das curvas.

Mas como não poderia deixar de acontecer, o Q1 trouxe algumas surpresas. A principal delas foi a eliminação de Paul Di Resta, da Force India. Sem encontrar o melhor acerto para o carro,  o escocês acabou não marcando um tempo bom o suficiente para passar de fase. Com isso, ele largará na décima sétima colocação.

Outro que decepcionou logo na primeira parte do treino foi o venezuelano Pastor Maldonado. Mais uma vez ele largará atrás do seu companheiro de equipe ao ser eliminado do treino. Agora, o piloto da Williams largará na décima oitava colocação.

Os outros eliminados foram os que costumam não passar do Q1. Charles Pic, Giedo Van der Garde – ambos da Caterham -, Jules Bianchi e Max Chilton – da Marussia – largarão na 19º, 20º, 21º e 22º posições, respectivamente.

Q2

A segunda parte do treino reservou para todos a grande surpresa do dia, considerando o desempenho de toda a temporada. É que o finlandês Kimi Raikkonen decepcionou a todos e acabou fazendo uma volta muito ruim no Q2 e foi eliminado. Amanhã, o “Homem de Gelo” vai largar na modestíssima décima terceira colocação.

Um desempenho ruim que impressiona, já que a expectativa era de que a Lotus fosse muito bem em Marina Bay. Entretanto, Raikkonen confirmou que o resultado indesejado aconteceu porque ele estava com muitas dores nas costas. Agora, Kimi precisará fazer uma corrida de recuperação amanhã.

Outro ponto que chamou a atenção foi a classificação de Esteban Gutiérrez para o Q3. O jovem piloto da Sauber surpreendeu a todos ao apresentar um desempenho agressivo. Vale ressaltar que ontem ele mesmo garantiu que faria uma boa classificação hoje e foi o que realmente aconteceu.

Entre os outros eliminados, nenhuma grande novidade. Nico Hulkenberg (11º), Jean-Éric Vergne (12º), Sergio Pérez (14º), Adrian Sutil (15º) e Valtteri Bottas (16º) já não iam bem desde os treinos livres. Nesta classificação, eles só comprovaram que não tinham condições reais de passar para o Q3.

Q3

Das três partes do treino classificatório, podemos dizer que o Q3 foi o que teve menos emoção. Entretanto, não há como dizer que não houve disputa, muito pelo contrário. Mas as maiores brigas aconteceram pelas posições intermediárias.

Logo na sua primeira tentativa, Sebastian Vettel voou na pista e marcou o melhor tempo do fim de semana em Marina Bay. Com 1min42s841 era praticamente impossível que qualquer outro competidor ultrapassasse o alemão. Sabendo disso, a Red Bull chamou o tricampeão de volta para os boxes e ele conseguiu poupar pneus assistindo o fim da qualificação já fora do carro.

Ontem, Vettel previa que a Mercedes teria força suficiente para brigar pela pole position. Hoje, todos viram que o líder do campeonato estava certo. Na última tentativa, por muito pouco Rosberg não conseguiu roubar a pole. Mas acabou ficando mesmo com o segundo lugar. Nos boxes da RBR, Seb até se assustou, mas depois foi aplaudido de pé pela equipe e comemorou bastante.

Romain Grosjean e Mark Webber formarão a segunda fila amanhã no grid de largada. Logo atrás deles estarão Lewis Hamilton e Felipe Massa. O brasileiro, por sinal, surpreendeu ao conseguir superar Fernando Alonso, que parte em sétimo, seguido por Jenson Button.

Daniel Ricciardo e Esteban Gutiérrez – a grande surpresa deste sábado – fecham o top 10 no grid de largada para o GP de Cingapura.

Confira o resultado do treino classificatório em Cingapura:

Classificação Cingapura 2013

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.