Com sede de vitória, Santa Cruz vai para cima do Salgueiro

Autor: Marcelo Cavalcante

Depois de bater o Central, por 4×2, no Arruda, na rodada de abertura do Campeonato Pernambucano, o Santa Cruz não sentiu mais o gostinho de vitória na competição. Por isso, neste domingo, a partir das 16 horas, o Tricolor encara o Salgueiro na tentativa de conquistar três pontos que darão tranquilidade para o restante da disputa.

Após a derrota para o Porto, por 1×0, em Caruaru, e o empate diante do Náutico, por 0×0, no Arruda, a equipe coral está na segunda colocação, com quatro pontos. A pontuação é a mesma do Salgueiro, que está terceira posição por causa do seu saldo de gols: o Santa Cruz tem um positivo, enquanto o Carcará tem três negativos.

A última partida diante do time sertanejo ocorreu no Pernambucano de 2013. Os corais perderam por 1×0, no Arruda, no dia 3 de março.

Esse retrospecto é apenas uma pequena amostra para o técnico Vica de que não vai encontrar moleza. Além de saber da força do adversário jogando em seus domínios. Somado a tudo isso está o fato do time ter alguns desfalques importantes. Flávio Caça-Rato, Renatinho e Raul foram vetados pelo departamento médico e não viajaram. Natan ainda não se recuperou da contusão e permanece fora.

“Não tinha a intenção de poupar nenhum atleta para o jogo com o Salgueiro. Portanto, não vai para o jogo quem está lesionado. A base do time está mantida, pois precisamos voltar a vencer no Pernambucano. Não é um jogo fácil contra o Salgueiro, mas vamos fortes”, comentou Vica.

A boa notícia é a volta do atacante Léo Gamalho, que se recuperou dde uma lesão e está garantido no time, ao lado de Cassiano. Para suprir as vagas deixadas pelos outros atletas, Vica optou por um time com marcação forte no meio. Assim, ele dá uma nova oportunidade a Memo, armando o Santa Cruz com três volantes. Sandro Manoel e Luciano Sorriso compõem o setor, deixando Carlos Alberto com a responsabilidade de criar as jogadas ofensivas. Mesmo com as mudanças, o técnico acredita na força do grupo para conquistar os três pontos.

SALGUEIRO

Assim como o Santa Cruz, o Salgueiro só conseguiu uma vitória na competição: superou o Porto, por 2×1. Como joga em casa, vai ao ataque para conquistar os três pontos.

O técnico Cícero Monteiro não terá o zagueiro Ricardo Braz, suspenso. Na sua vaga, entra Aylton Alemão. No ataque, conta com a volta de Kanu, recuperado de uma lesão muscular. Ele fará a dupla com Fabrício Ceará.

Ficha técnica

Salgueiro

Luciano; M. Tamandaré, Aylton Alemão, Ranieri e Daniel; Rodolfo Potiguar, Morelândia, Vítor Caicó e Anderson Paraíba; Kanu e Fabrício Ceará. Técnico: Cícero Monteiro.

Santa Cruz

Tiago Cardoso; Oziel, Everton Sena, Renan Fonseca e Panda; Sandro Manoel, Memo, Luciano Sorriso e Carlos Alberto; Cassiano e Leo Gamalho. Técnico: Vica.

Local: Estádio Cornélio de Barros, em Salgueiro. Horário: 16h. Árbitro: Gilberto Castro Júnior.Assistentes: Elan Vieira e Francisco Chaves Bezerra Júnior.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.