Jogadores do Sport se abatem, mas garantem que clube escapa do Z-4

Bastou o árbitro André Luiz de Freitas Castro (GO) apitar o final do duelo entre Sport e Fluminense, neste domingo, para o abatimento tomar conta dos jogadores do Leão. Chateado com o empate em 1 a 1, que deixa o clube na zona de rebaixamento e precisando vencer o Náutico na última rodada, além de torcer por uma derrota de Bahia ou Portuguesa, na última rodada, para permanecer na Séria A, o atacante Felipe Azevedo lamentou as chances de gols perdidas.

– Fomos muito superiores, tivemos várias chances, mas a bola não entrou. Infelizmente saímos de campo sem a vitória e isso dificulta um pouco, mas vamos buscar a vitória no próximo jogo. Ainda dá.

Contrariado, o zagueiro Diego Ivo enalteceu o comportamento dos atletas rubro-negros, mas lamentou a falta de sorte do Sport.

– Tivemos várias chances, jogamos bem e nos doamos, mas empatamos. Agora ficou complicado, mas ainda temos chances. Vamos para o clássico em busca da vitória.

Já para Henrique, o grande responsável pelo placar foi o goleiro adversário. De acordo com o atacante, não é à toa que Diego Cavalieri é um dos destaques do Brasileirão 2013.

– Tivemos chances, mas Cavalieri é muito bom. Às vezes, parecia que eles estavam com três jogadores embaixo da barra. Faltou sorte, mas ainda dá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.