Santa Cruz decepciona torcida e fica no 1 a 1 com Chã Grande no Arruda

No segundo jogo-treino antes da estreia na Copa do Nordeste – o primeiro no Arruda este ano – o Santa Cruz decepcionou a torcida. A equipe coral ficou no 1 a 1 com o Chã Grande e jogou de forma displicente, recebendo vaias da torcida. O time ainda perdeu o meia Luciano Sorriso, que se machucou e precisou sair da partida mais cedo.

O técnico Marcelo Martelotte resolveu experimentar uma mudança em relação ao time que começou jogando o último jogo-treino contra o Porto no sábado passado. O meia Luciano Sorriso ficou na vaga que Jefferson Maranhão ocupava no meio-campo. Dessa forma, o Santa Cruz começou com: Tiago Cardoso; Everton Sena, César, Vágner e Tiago Costa; Anderson Pedra, Sandro Manoel, Luciano Sorriso e Renatinho; Flávio Caça-Rato e Philco.

O Santa Cruz não se achava dentro de campo e sofreu com a falta de entrosamento. Não lembrava, nem de longe, o time que venceu o Porto com sobras. O primeiro lance de ataque foi com Flávio Caça-Rato, mas o goleiro Dida acabou colocando para escanteio. O Chã Grande respondeu dois minutos depois, mas César Lucena afastou dentro da pequena área o lance de ataque. O jogo ficou morno, sem grandes lances de perigo.

A primeira vez que o Santa Cruz finalizou com perigo resultou em gol. Após uma batida de falta na área, o ataque coral dividiu com o goleiro e a bola subiu. Antes dela cair no chão, Philco, um dos reforços do Tricolor para esta temporada, se jogou e completou para balançar as redes. De resto, a primeira etapa não teve grandes lances.

santa cruz chã grande jogo-treino (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)
Santa Cruz empatou com Chã Grande em jogo-treino no Arruda (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)

Para o segundo tempo, Martelotte promoveu uma mudança. O atacante Danilo Santos ocupou a vaga de Flávio Caça-Rato. E a partida continuou sem grandes ações. O único lance de perigo aconteceu aos quatro minutos. E foi pior para o Santa Cruz. Caiçara recebeu na área e bateu forte para empatar a partida. Com o jogo igual no placar, mais alterações foram feitas.

Ao longo da segunda etapa, Jefferson Maranhão entrou no lugar de Tiago Costa e Renatinho ficou na lateral esquerda. Everton Heleno ocupou o lugar de Sandro Manoel. Depois, Marquinho e William Alves entraram nos lugares de Everton Sena e Vágner, respectivamente. Sem entrosamento, o time sofria em campo tentando se organizar e a torcida não perdoava. Alguns jogadores foram duramente vaiados, como Tiago Costa e Danilo Santos, que perdeu gols fáceis.

O Santa Cruz estreia na Copa do Nordeste neste domingo, às 17h, diante do CRB no estádio do Arruda.

 globo.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.