Santa Cruz vence o Nacional da Ilha da Madeira, de Portugal por 2×0

Tiago Cardoso, Nininho, Renan Fonseca, Leandro Souza, Everton Sena; Tozo, Luciano Sorriso, Raul, Junior Xuxa; Flávio Caça-Rato e André Dias. Esse foi o time que iniciou o amistoso contra o Nacional da Madeira, de Portugal.

Sem poder contar com Tiago Costa e Dênis Marques, que devem retornar na estreia contra o Luverdense, Sandro Barbosa escalou o time no famoso 4-4-2. Tozo, que fez um bom primeiro tempo, deverá ganhar a vaga deixada por Anderson Pedra.

O Santa Cruz começou o jogo um pouco perdido. O Nacional de Portugal partiu pra cima e obrigou o paredão coral a defender duas bolas incríveis. Buscando os ataques pelo lado esquerdo, Everton Sena foi muito exigido durante o tempo que esteve em campo.

Mas foi na única chegada de Nininho pelo lado direito que o tricolor chegou com perigo ao gol. Luciano Sorriso recebeu, bateu de longe e Gottardi, ex-goleiro tricolor, botou pra escanteio.

O Santa conseguiu equilibrar o jogo e agrediu ofensivamente o adversário. Depois de boa trama do meio campo, Renan Fonseca subiu ao ataque, cruzou a bola na área, Raul recebeu, dominou e bateu com tranquilidade para abrir o placar.

Não demorou muito para o Mais Querido ampliar o marcador. Junior Xuxa, muito bem no meio campo, deu um lindo passe para André Dias, o substituto de Dênis Marques tocou com categoria e fez o segundo gol do Santa no jogo.

O primeiro tempo terminou com a vitória por 2×0 para o Santa Cruz. Como já havia informado, Sandro Barbosa mudou todo o time para a etapa complementar.

Fred, Nininho, Danilo Cerqueira, Renato Camilo, Patrick, Everton Heleno, Ezequiel (Corinthians-AL), Italo (Corinthians-AL), Rafael (Corinthians-AL), Anderson Salgueiro e Netto.

Esse foi o time do segundo tempo. Apenas Nininho continuou na partida. Três jogadores pertencem ao Corinthians de Alagoas.

Com o Nacional de Portugal tentando empatar o jogo, os garotos do Santa Cruz se seguraram bem durante todo o segundo tempo e garantiram a vitória do Santa.

Por Leonardo Albertim

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.