Seleção sub-20 se apresenta sem filho de Mazinho

O atacante Rafael Alcântara, destaque do Barcelona B e filho do tetracampeão Mazinho, foi a grande ausência na apresentação da seleção brasileira sub-20, nesta segunda-feira, no Rio. O jogador só irá se juntar ao grupo daqui uma semana, no dia 17 de dezembro, quando começa a contar o período oficial determinado pela Fifa para a fase de preparação do Campeonato Sul-Americano da categoria.

A apresentação de Rafinha é bastante aguardada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), uma vez que seu irmão, Thiago, também do Barcelona, preferiu jogar pela Espanha. O caçula de Mazinho já havia sido convocado para defender o Brasil, mas na ocasião não foi liberado pelo Barcelona. Agora, como o clube catalão nada pode fazer para atrapalhar os planos da seleção brasileira, a expectativa é que ele se junte ao grupo e demonstre que pretende defender a cidadania do pai.

Além de Rafinha, também não se apresentaram o lateral-direito Fabinho, revelado pelo Fluminense e atualmente no Real Madrid B, que também deve se juntar ao grupo no dia 17, e o atacante Ademilson, que está concentrado com o São Paulo para a final da Copa Sul-Americana. Após o término da competição, quarta, ele segue direto para a Granja Comary, em Teresópolis.

Para esta etapa de preparação foram chamados 27 jogadores, dos quais 22 irão disputar o Sul-Americano da Argentina. O Brasil estreia na competição no dia 10 de janeiro, contra o Equador, em San Juan. Além das duas equipes, o Grupo B da competição conta com Uruguai, Peru e Venezuela.

Fonte: Agência Estado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.