América-RN 3×0 Náutico

Náutico perde para o América-RN por 3×0 e se complica na Copa do Brasil

Autor: Matheus Albino

O retrospecto recente de boas partidas fora de casa do Náutico foi enterrado nas belas dunas do Rio Grande do Norte com essa derrota diante do América-RN. Um time irreconhecível, errando bastante e perdido em campo.

Esse foi o Náutico na derrota por 3×0 frente ao América de Natal, na Arena das Dunas, pela partida de ida da Copa do Brasil. O time sentiu mais uma vez a falta de um homem de criação para dividir a tarefa com Zé Mario.

Pior do que isso, o time errou bastante,desde passes no ataque até saídas de jogo equivocadas de seus defensores. Pelo lado adversário,o técnico Oliveira Canindé escalou um time ofensivo, com três atacantes e foi contemplado com a vitória nesta primeira parte.

Se compararmos o jogo contra o Ceará, onde o time estava bem mais organizado e fez uma boa partida, desta vez em Natal foi diferente, desorganizado em campo a equipe de Lisca fez uma partida fraca tecnicamente.

Os gols dos donos da casa foram marcados por Isaac, aos 29 minutos do primeiro tempo, Max, duas vezes, aos 38 e aos 46 do segundo tempo. Com a vitória, o Dragão pode até perder por 2 gols de diferença que irá avançar de fase.

O jogo

O Náutico até começou bem na partida tendo a posse de bola e buscando o ataque na Arena das Dunas.

Mas aos poucos os donos da casa foram se impondo em campo e tomando os espaços para dominar os primeiros 45 minutos até chegar ao gol marcado pelo atacante Isaac aos 29 minutos.

Além do gol sofrido, a baixa do atacante Marinho, que saiu para a entrada de Leleu também contribuiu para a queda de rendimento do Timbu diante do América. Sabendo da importância de conquistar um bom resultado neste jogo de ida, o Dragão foi ao ataque e deu bastante trabalho à defesa.

Não fosse o goleiro Alessandro, o Náutico poderia estar em situação ainda pior. A dupla de zaga William Alves e Leonardo cometeu algumas falhas que deixaram o técnico Lisca irritado à beira do gramado.

Em uma delas, quase que o atacante Isaac marcava o segundo gol. Zé Mario não criou boas jogadas e o atacante Rodrigo Careca ficou ilhado na frente.

Marinho, sempre como a válvula de escape do time, começou bem mas saiu de campo com dores musculares e o time perdeu sua principal fonte de armações de jogadas. Depois do gol, o América dominou o jogo e encurralou o Náutico ao seu campo defensivo.

Segundo tempo

No início do segundo tempo o Náutico parecia estar pior em relação ao começo do jogo. E de fato estava, pois o América matou a partida marcando mais dois gols.

Lisca até tentou mudar o time, tirou o volante Dê e colocou mais um homem de frente, Vinícius, que pouco fez a favor. A dupla de zaga guardou as falhas para o final, William Alves e Leonardo fizeram uma das piores apresentações nesta temporada e ajudaram na construção do placar para o adversário.

Sobrou também para o lateral-esquerdo Rai, que em um lance quase entregou um gol ao atacante Pimpão. Depois desse lance o jogador foi substituído por Marcelinho. O ataque do Náutico também não fez bonito, finalizações erradas, passes equivocados e erro de posicionamento na área fizeram parte do repertório dos atacantes.

Pelo América os destaques foram o meia Adriano Pardal, Rodrigo Pimpão e o atacante Max, autor de dois gols. Oliveira Canindé foi feliz nas mudanças, especialmente quando colocou Max.

Ficha de jogo

América-RN
Fernando Henrique; Walber, Cleber, Edson Rocha e Alex Barros; Márcio Passos, val (Jean Cleber), Fabinho; Adriano Pardal (Rafinha) Rodrigo Pimpão e Isaac (Max). Técnico: Oliveira Canindé.

Náutico
Alessandro; Jackson, Leonardo Luiz, William Alves e Raí(Marcelinho); Dê (Vinícius), Yuri Naves, Elicarlos e Zé Mário; Marinho (Leleu) e Rodrigo Careca. Técnico: Lisca.
Local: Arena das Dunas, em Natal. Árbitro: Francisco de Almeida Filho (CE). Assistentes: Thiago Brigido e Marcione Ribeiro (ambos do CE). Gols: Isaac (aos 29 minutos do 1°t) Max (aos 38 e aos 46 min do 2°t)
Cartões amarelos: Náutico – Dê e Leonardo; América-RN – Adriano Pardal
Público – 4.162
Renda: R$39.920