Bahia x Náutico

Com titulares descansados, Náutico quer surpreender Bahia para seguir vivo no Nordestão

Ficha do jogo

Bahia

Anderson; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Tiago e Mena; Gregore, Zé Rafael e Vinícius; Elber (Allione), Kayke e Edigar Junio. Técnico: Guto Ferreira.

Náutico

Bruno; Thiago Ennes, Camutanga, Breno Calixto e Kevyn; Negretti, Josa e Medina; Clebinho, Wallace Pernambucano e Robinho. Técnico: Roberto Fernandes.

Estádio: Arena Fonte Nova (Salvador). Horário: 21h45. Árbitro: Caio Max Vieira (RN). Assistentes: Lorival Candido das Flores (RN) e Luis Carlos de França (RN).

Náutico e Bahia equilibrados na finalização

Autor: Wladmir Paulino

Foto: Bobby Fabisak / JC Imagem.

Bruno Alves pode ganhar uma chance no time do Náutico. Foto: Bobby Fabisak / JC Imagem.

O Náutico tem mais uma oportunidade de apagar o mau retrospecto fora de casa nesta terça-feira (11). Mas o jogo não promete ser nada fácil, já que o adversário é o Bahia, ainda invicto atuando na Arena Fonte Nova nesta Série B. O jogo está marcado para às 19h e enquanto os pernambucanos buscam o retorno ao G4 depois de duas rodadas – atualmente estão em sexto, com 28 pontos – os baianos miram a liderança isolada. O Tricolor de Aço tem os mesmos 31 pontos do conterrâneo Vitória, atrás apenas por um gol a menos no saldo (16×15).

OS DESFALQUES
Pela primeira vez na competição o timbu entra em campo sem seu capitão. O goleiro Júlio César sofreu uma lesão na coxa esquerda fica de fora. Já o volante Marino tomou o terceiro cartão amarelo e terá que cumprir suspensão automática. Entre as opções, também uma baixa. O meia Dakson sentiu um incômodo na coxa direita e ficará em tratamento.

FIQUE DE OLHO

rodolpho_MM_770

Foto: Márcia Mendes/Acervo JC Imagem

O substituto de Júlio César é um velho conhecido. Rodolpho, de 34 anos, volta a vestir a camisa vermelha e branca num jogo oficial depois de oito anos. A última aparição dele foi em julho de 2007. “Estou bem, trabalhando muito forte e sei que há uma expectativa grande. Sei que é um jogo difícil. Mesmo assim, nem sempre o favorito vence e a gente tem condições de surpreender”. No lugar de Marino o escolhido deve ser Bruno Alves, com Gil Mineiro correndo por fora. Em compensação, o lateral-esquerdo Gaston Filgueira está de volta.

ROGÉRIO
O diretor de futebol do Náutico, José Barbosa, garantiu que o clube não recebeu nenhuma proposta pelo atacante Rogério. Embora esteja no Vitória, o atleta pertence ao timbu, com quem tem contrato até o próximo ano e despertou o interesse do São Paulo. “Uma negociação só se concretiza com uma proposta oficial e não tem nenhuma. Se o São Paulo mandar a gente vai avaliar se é viável para o Náutico ou não”, disse

O ADVERSÁRIO
O Bahia precisa vencer o Náutico e torcer para o Vitória empatar com o América-MG. Isso porque os três têm 31 pontos. O técnico Sérgio Soares poderá repetir o time que goleou o Boa Esporte na última sexta por 4×1.

Ficha do jogo:

Bahia: Douglas Pires; Cicinho, Robson, Jailton e Vítor; Yuri, Souza, Eduardo e Tiago Real; Alexandro e Kieza. Técnico: Sérgio Soares.

Náutico: Rodolpho; Lucas Farias, Ronaldo Alves, Fabiano Eller e Gaston Filgueira; João Ananias, Bruno Alves, William Magrão e Hiltinho; Patrick Vieira e Douglas. Técnico: Lisca.

Local: Arena Fonte Nova. Horário: 19h. Árbitro: Vinícius Furlan (SP). Assistentes: Anderson Coelho (SP) e Jorge de Araújo (AL).