Bélgica x EUA

Bélgica coloca o poder de sua geração à prova contra os Estados Unidos

Nesta terça-feira, a tão falada ‘geração belga’ tem a sua verdadeira prova de fogo nesta Copa do Mundo, ante os Estados Unidos, na Fonte Nova. Em caso de vitória, os norte-americanos farão a sua melhor campanha da história, pois sempre pararam nas oitavas. Já os Diabos Vermelhos se aproximariam do feito de 1986, quando caíram apenas nas semifinais para a Argentina de Maradona.

Mesmo com os 100% de aproveitamento, os Diabos Vermelhos não tem empolgado e venceram todas praticamente no último ‘suspiro’. O técnico Marc Wilmots ainda não confirma qual equipe entrará em campo, pois desde o início da Copa do Mundo, sempre mudou a escalação de acordo com o adversário. A tendência é que Origi ocupe a vaga de Lukaku, que ainda não marcou no mundial.

Enquanto, a equipe de Jurgen Klinsmann vem motivada após despachar Portugal e Gana. Os norte-americanos contam a volta de Altidore, após a lesão que o tirou das duas partidas anteriores. Com isso, Clint Dempsey deve retomar o seu lugar no meio de campo.

O único confronto entre as seleções em Copas do Mundo aconteceu no longíquo ano de 1930, quando os Estados Unidos triunfaram com um 3 x 0, no estádio Parque Central, em Montevideo.

Confira os prováveis escalações de Bélgica x Estados Unidos:

BÉLGICA: Courtois; Vanden Borre (Vermaelen), Van Buyten, Lombaerts (Kompany) e Vertonghen; Witsel, Dembele, Hazard, Fellaini e De Bruyne; Lukaku (Origi). Técnico: Marc Wilmots

ESTADOS UNIDOS: Howard, Beasley, Besler, González e Johnson; Jones, Bekerman, Bradley e Dempsey; Zusi e Altidore (Bedoya). Técnico:Jurgen Klinsmann

 

 

Fonte: PLACAR