cortado

CBF alega problema interno, corta Maicon da Seleção e convoca garoto

Por Miami, EUA

O lateral-direito Maicon, mais velho jogador da seleção brasileira de Dunga, foi cortado na manhã deste domingo, segundo anúncio do diretor de seleções Gilmar Rinaldi. A comissão técnica pediu o desligamento do jogador após um problema disciplinar. Gilmar, por sua vez, disse apenas que houve um problema interno e não quis dar detalhes sobre o assunto.

Para o lugar do veterano, Dunga convocou Fabinho, lateral-direito do Monaco que estava disputando amistosos com a seleção sub-21 no Catar, sob o comando de Gallo.

– Agradeço a passagem dele pela Seleção, mas hoje ele foi desligado da delegação. Queria agradecer os serviços prestados à Seleção. Foi um problema interno, não vou responder perguntas sobre isso e gostaria que fizessem a gentileza de não perguntarem aos jogadores. O Fabinho, jogador do Monaco, está a caminho, esperamos o plano de voo para sabermos a que horário ele chega.

Maicon, Brasil X Colômbia (Foto: Bruno Domingos / Mowa press)
Cortado neste domingo, Maicon foi titular na vitória sobre a Colômbia, na sexta (Foto: Bruno Domingos / Mowa press)

Maicon era considerado um dos jogadores de confiança de Dunga. Titular do treinador na Copa do Mundo de 2010, ele também disputou a última edição do torneio sob o comando de Luiz Felipe Scolari e foi convocado agora para ser um dos pilares de sustentação da renovação que a comissão técnica pretende fazer a médio prazo na equipe.

O fato de Maicon ter disputado os 90 minutos da vitória sobre a Colômbia foi tratado com ironia pela imprensa italiana, que ressaltou o longo período inativo do jogador pelo Roma. O “Corriere Della Sera” diz que, nos últimos quatro meses, o lateral-direito só jogou pelo Brasil. O “Corriere Dello Sport” questiona a ausência de Maicon na abertura do Campeonato Italiano e afirma que seu clube considerou “inoportuna” a atuação do jogador no amistoso pela Seleção.

Aos 33 anos, Maicon fez na última sexta-feira, contra a Colômbia, sua partida de número 72 pela Seleção. Seu substituto, o jovem Fabinho, é uma das principais apostas do técnico Alexandre Gallo. Ele tem 20 anos e passou pela equipe de juniores do Fluminense. Sua estreia como profissional foi pelo Real Madrid, sob comando de José Mourinho e ao lado de jogadores como Cristiano Ronaldo e Di Maria. Além dele, Dunga conta com Danilo, do Porto, para a posição.

Fabinho jogando no Mônaco (Foto: Getty Images)
Fabinho em ação pelo Mônaco. Jogador está a caminho dos EUA para se apresentar à Seleção (Foto: Getty Images)

Horas antes de "˜decisão"™, Gana expulsa Boateng e Muntari da Copa

Boateng foi suspenso pela Federação de Gana | Crédito: Ueslei Marcelino/REUTERS

Em comunicado oficial, a Associação Ganesa de Futebol (GFA) anunciou o corte do meia Kevin-Prince Boateng e do volante Sulley Muntari por motivos de indisciplina. A decisão foi tomada horas antes do duelo entre Gana e Portugal, que acontece às 13h (de Brasília) desta quinta-feira (26), no Mané Garrincha.

A punição a Muntari, atleta do Milan, foi tomada após o volante agredir fisicamente um membro do Comitê Executivo da GFA, e um membro da comissão técnica da seleção ganesa, ainda na terça-feira (25), durante uma reunião.

Já a sanção a Boateng se deu por agressões verbais ao técnico do time, Kwesi Appiah, durante treinamentos em Maceió. Sem se arrepender ou se desculpar pelos xingamentos, a diretoria e a comissão técnica optaram pelo corte.

A dupla ainda está suspensa da seleção ganesa por tempo indeterminado, e não enfrenta Portugal no jogo que pode definir a eliminação da equipe na Copa do Mundo de 2014. Na terça-feira, a equipe havia boicotado os treinos pelo atraso no pagamento de direitos de imagens, exigidos em espécie pelos atletas.

Para passar de fase, Gana precisa vencer Portugal e torcer para que o duelo entre Alemanha e Estados Unidos não termine empatado, eventualmente precisando descontar diferenças no saldo de gols.

FICHA TÉCNICA

PORTUGAL X GANA

Local: Estádio Mané Garrincha, Brasília (DF)
Data-Hora: 26/6/2014 – 13h
Árbitro: Nawaf Shukralla (BHR)
Auxiliares: Yaser Tulefat (BHR) e Ebrahim Saleh (BHR)

PORTUGAL: Beto, João Pereira, Pepe, Bruno Alves e Ricardo Costa; Miguel Veloso, Raul Meireles e João Moutinho; Nani, Varela (Éder) e Cristiano Ronaldo. Técnico: Paulo Bento.

GANA: Dauda; Afful, Mensah, Boye e Asamoah; Muntari, Rabiu, Atsu e Kevin-Prince Boateng; Andre Ayew e Asamoah Gyan. Técnico: James Appiah.

Fonte: Gazeta Press e  LANCENET!