CRB 3×2 Santa Cruz

Com dois de Zé Carlos, CRB bate o Santa Cruz em Maceió

Autor: Matheus Albino

Foto: Antônio Melcop / site oficial do Santa Cruz

O Santa Cruz bem que tentou mas não segurou o CRB em Maceió e acabou derrotado pelo placar de 3×2, no estádio Rei Pelé, em jogo válido pela 30°rodada da Série B. O resultado negativo deixou o Santa com 48 pontos, e o time pode perder a posição no G-4 após o complemento da rodada.

Mesmo assim o Tricolor segue vivo na briga pelo acesso à Série A. Depois de um primeiro tempo equilibrado, onde poderia até ficar à frente do placar, o Santa voltou mal na etapa complementar e tomou dois gols do artilheiro Zé Carlos, fruto do descuido da dupla de zaga Danny Morais e Marlon. A expulsão do meia Daniel Costa, logo aos sete minutos, também prejudicou o desempenho do time.

Luisinho ainda deu esperanças ao torcedor coral quando diminuiu o placar, aos 38  minutos, mas a derrota não foi evitada no Rei Pelé. Na próxima rodada o Santa terá o clássico contra o Náutico, no dia 17 de outubro. Já o Galo enfrenta o Luverdense em Lucas do Rio Verde-MT.

O jogo

Foi um jogo que começou em ritmo alto desde os primeiros minutos. O Santa Cruz demorou para entrar no jogo e viu o CRB sair na frente do placar. Aos 11 minutos Diego Jussani cobrou a falta por baixo da barreira e não deu chances a Tiago Cardoso. Antes, aos dois minutos, Zé Carlos cabeceou forte e obrigou o
goleiro coral a fazer grande defesa.

Ou seja, o time alagoano dominou os primeiros minutos de jogo. Quando o Santa entrou na partida conseguiu medir forças com o rival, criou boas oportunidades e poderia até virar o jogo. Aos 28 Luisinho invadiu a área e chutou forte, o goleiro deu rebote e Grafite tocou para o gol. No segundo tempo o Tricolor perdeu o meia Daniel Costa logo aos sete minutos.

Grafite marcou seu sexto gol na Série B. Foto: Antônio Melcop / site oficial do Santa Cruz

Grafite marcou seu sexto gol na Série B. Foto: Antônio Melcop / site oficial do Santa Cruz

O árbitro entendeu como agressão quando o camisa 8 tentou proteger a bola e acertou o rosto de Josa. Com um a menos o Santa Cruz sofreu com a pressão do CRB. Resistiu enquanto pôde, mas aos 25 minutos Pery cruzou na cabeça de Zé Carlos, que mandou para o fundo das redes.

Quatro minutos depois Gérson Magrão invadiu a área, Cardoso saiu mal e o camisa 11 tocou para Zé Carlos, que não desperdiçou e fuzilou a meta coral. Luisinho ainda deu esperanças diminuindo o placar aos 38 minutos. Mas com um homem a menos ficou difícil para o Santa igualar o marcador.

Ficha do jogo:

CRB: Júlio César; Wilian Cordeiro, Gabriel, Diego Jussani e Pery; Bocão (Clebinho), Josa (Maxwell), Somália e Cañete; Zé Carlos e Gérson Magrão. Técnico: Mazola Júnior.

Santa Cruz: Tiago Cardoso; Vítor, Danny Morais, Marlon e Allan Vieira (Lúcio); Wellington Cézar, João Paulo, Daniel Costa, Luisinho e Renatinho (Bruno Moraes); Grafite (Diogo Campos). Técnico: Marcelo Martelotte.

Local: Rei Pelé (Maceió). Árbitro: Marcos André Gomes da Penha (ES). Assistentes: Vanderson Antonio Zanotti e Leonardo Mendonça, ambos do ES. Cartões amarelos: (S) Daniel Costa, Allan Vieira, João Paulo e Danny Morais; (C) Pery, Diego Jussani e Zé Carlos. Vermelho: Daniel Costa. Gols: (S) (Grafite, aos 28min do 1°t) e Luisinho (aos 38 min do 2°t); (C) (Diego Jussani (aos 11 min do 1°t) Zé Carlos (aos 25 e aos 29 min do 2°t)