Daniel Costa

Santa Cruz faz o ‘dever de casa’ e segue no G-4

Foto: Alexandre Gondim / JC Imagem

Mesmo sem uma grande atuação coletiva, o Santa Cruz fez o dever de casa e venceu o Oeste-SP por 3×1, nesta terça-feira, pela 35°rodada da Série B. A vitória foi com uma certa folga no placar, mas os gols saíram naturalmente e em poucas jogadas criadas pelos corais. Os erros de passe impediram que o time até construísse uma goleada. Daniel Costa, Danny Morais e Luisinho marcaram os tentos coral.

A torcida compareceu em bom número ao Arruda e esperou uma atuação convincente com goleada. Nem tudo saiu como esperado, mas os tricolores ficaram satisfeito com os três pontos e a permanência no G-4. O Santa chegou aos 58 pontos e está cada vez mais próximo do acesso.

Precisa continuar fazendo a sua parte e pensando apenas em vencer os três jogos que restam. A boa notícia é que os concorrentes seguem tropeçando. Nas duas últimas rodadas o Santa foi o único a somar seis pontos e está até próximo de passar o Vitória, que perdeu de goleada para o América-MG e permaneceu com 60 pontos. O Bahia ficou no empate com o ABC e se distanciou da quarta colocação. Bragantino e Náutico não venceram na rodada, apenas o Sampaio Corrêa, que roubou a quinta colocação do Timbu.

O jogo

Se não foi bem coletivamente, pelo menos alguns jogadores se destacaram de forma individual. Luisinho mais uma vez foi o desafogo do time no lado direito. Com muita correria ele cansou o lateral do Oeste, Fernandinho, e criou algumas boas jogadas. Aos 30 minutos do segundo tempo foi coroado com um gol após ótima jogada de Allan Vieira pela esquerda.

O técnico Marcelo Martelotte entrou com mudanças no time.  Sem João Paulo, suspeso, ele escolheu Vinícius Reche que mostrou estar bem abaixo fisicamente e errou muitos passes em campo. Outras duas mudanças, mas que não influenciaram na atuação apática, foram as entradas de Bruno Moraes e Bileu, nos lugares de Grafite e Vítor, respectivamente.

Martelotte manteve a equipe com dois meias de criação e sofreu nos primeiros minutos com os contra-ataques do Rubrão. Mas, aos 21 minutos as coisas começaram a clarear para o time coral. Daniel Costa cobrou falta com maestria e acertou o ângulo do goleiro. Danny Morais marcou o segundo no final do primeiro tempo. As chegadas mais perigosas do Oeste eram nas bolas paradas, principalmente com Fernandinho e Mazinho.

O time paulista diminuiu o marcador com Rafael Martins, de cabeça, aos 42 minutos do segundo tempo. No final do jogo o zagueiro Daniel Gigante foi expulso após se desentender com o atacante Lelê, do Santa.

Ficha de jogo

SANTA

Tiago Cardoso; Bileu, Alemão, Danny Morais e Allan Vieira; Wellington Cézar (Moradei), Vinícius Reche (Bruninho) e Daniel Costa (Renatinho); Lelê e Luisinho; Grafite. Técnico: Marcelo Martelotte

OESTE

Leandro Santos; Guilherme, Daniel Gigante, Júnior Lopes e Fernandinho; Betinho, Renan Mota(Rafael Martins) e Mazinho; Patrick Silva (Wangler), Rodriguinho (Cristiano) e Wagninho. Técnico: Renan Freitas

Local: Arruda. Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ/ASP-FIFA). Assistentes: Dibert Pedrosa Moisés e Eduardo de Souza Couto (ambos do RJ). Gols: (S) Daniel Costa (aos 21 min) e Danny Morais (aos 43min do 1°tempo), Luisinho (aos 30 min do 2°t); (O) Rafael Martins (a0s 42 min do 2°t). Cartões amarelos: (O) Leandro Santos, Daniel Gigante, Fernandinho, Guilherme e Wagninho; (S) Bruno Moraes, Lelê, Bruninho. Expulso: Daniel Gigante. Público: 26.600 Renda: R$ 322.175