Joelho

Exame constata lesão grave no joelho e Cassiano ficará seis meses afastado

Cassiano precisará de uma cirurgia para recuperar os ligamentos do joelho (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)

Por Recife

O que era apenas uma suspeita na última sexta-feira, virou uma confirmação na manhã deste sábado. O atacante Cassiano de fato rompeu os ligamentos cruzados do joelho direito e precisará ser operado, desfalcando assim o Santa Cruz nos próximos seis meses.

Cassiano machucou o joelho esquerdo no clássico contra o Sport, na última quinta-feira. No primeiro tempo levou uma pancada após uma dividida com um adversário e no segundo torceu no mesmo local, agravando ainda mais a dor. O jogador ainda tentou ficar em campo, mas não conseguiu aguentar nem dez minutos e foi substituído por Flávio Caça-Rato.

A lesão de Cassiano é a terceira de ligamento no elenco do Santa Cruz apenas nesta temporada. Os laterais-esquerdos Tiago Costa e Panda também estão no departamento médico com mesmo problema. O primeiro com a mesma gravidade de Cassiano. Já Panda não precisará ser operado e passará um mês no estaleiro.

Com a confirmação da lesão de Cassiano, a diretoria de futebol do Santa Cruz deve aumentar a busca por reforços, que já começou desde a última semana. A ideia inicial era contratar um lateral-esquerdo e um atacante de área, mas um novo atacante deve entrar na pauta dos tricolores.

A data e o local da cirurgia de Cassiano ainda não foram marcados, mas já está confirmado que a operação não será realizada no Recife. Por decisão do próprio jogador, o procedimento cirúrgico será realizado em Porto Alegre, no Internacional, clube que detém os seus direitos.

– Ele preferiu fazer o ato cirúrgico no Internacional e é bom porque vai ficar junto da família. É bom também porque é o clube dele e esperamos que volte o mais rápido possível para cá, comentou o médico do Santa Cruz, Gilson Rezende.