NÁUTICO X ABC

Náutico recebe o ABC em nova ‘decisão’ visando o G4

Autor: Alvaro Filho

Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

A vitória contra o Paysandu, apesar de crucial na campanha de retorno ao G4, é página virada e o Náutico agora aposta todas as fichas no jogo contra o ABC como a “decisão” da vez. A partida deste sábado (26), às 16h3o, na Arena Pernambuco, é para o técnico Gilmar Dal Pozzo e seus comandados a chance de engatar uma sequência de bons resultados que recolocarão o Timbu na briga pelo acesso.

O Náutico começa essa 28ª rodada na nona posição, com 40 pontos, a seis do quarto, o Bahia, que abre o G4. O ABC luta em outra trincheira, é o vice-lanterna, com 23, e não vence há 16 partidas.

Foto: André Nery/JC Imagem

Foto: André Nery/JC Imagem

O NÁUTICO

A intenção do técnico Gilmar Dal Pozzo era repetir exatamente a mesma escalação que arrancou a vitória, por 1×0, contra o Paysandu, em Belém. Mas já na partida o treinador perdeu o meia Bruno Alves, com o terceiro cartão amarelo. Durante a semana, foi a vez de Guilherme Biteco sentir a coxa e virar um provável desfalque. A lista de ausências aumentou com o atacante Douglas, afastado em dois de treinamentos por contas de cansaço muscular.

A saída do treinador foi continuar o processo de “recuperação” de peças afastadas pelo seu antecessor, Lisca, como o caso do próprio Bruno Alves e do volante Fillipe Soutto. O nome da vez foi o do atacante Renato, garoto da base escanteado no time, que ganha a chance de começar jogando, ao lado de Bergson.

No meio, Rogerinho substitui Biteco, formando o meio campo com Jackson Caucaia, Marino e Fillipe Soutto, esse último pela segunda vez consecutiva entre os titulares. A zaga, que durante muito tempo sofreu com as contusões, será a mesma do sucesso em Belém.

Se há uma boa notícia para Dal Pozzo é o número de opções que terá no banco de reservas, jogadores recuperados de contusões, mas que não reúnem condições de atuar os 90 minutos. Muitos, antigos donos de cadeiras cativas entre os titulares, como o meia Hiltinho e os volantes William Magrão e João Ananias, além do atacante Douglas.

LEIA MAIS:

>> Dal Pozzo tem time de ‘titulares’ no banco contra ABC

Um dos trunfos do Náutico é o próprio Dal Pozzo, que foi um dos cinco treinadores do ABC na temporada. Foi no comando dele que o time potiguar conquistou três das quatro vitórias na competição – todas fora de casa, pois a equipe ainda não venceu em seus domínios – o que faz curiosamente os abecedistas serem o visitante de melhor campanha no Brasileiro.

Foto: André Nery/JC Imagem

Foto: André Nery/JC Imagem

A TORCIDA

Ausente em boa parte da temporada, a torcida do Náutico foi para lá de convocada durante a semana. Treinador, jogadores e até o ex-ídolo Kuki entoaram um coro convocando o torcedor para a partida. “É o combustível do jogador fora de campo”, disse Kuki. Nessa Série B, a média de público alvirrubra gira em 5 mil torcedores e elenco acredita que a presença pode se fundamental para o time emplacar uma sequência de vitórias. “Está na hora deles abraçarem o time”, afirmou o goleiro Julio César.

FICHA DO JOGO

NÁUTICO

Júlio César, Lucas Farias, Rafael Pereira, Ronaldo Alves e Gastón Filgueira; Jackson Caucaia, Marino, Fillipe Soutto e Rogerinho; Renato e Bergson. Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

ABC

Saulo; Ednei, Luizão (Mael), Adriano Alves e Marcílio; Fábio Bahia, Rafael Miranda, Ronaldo Mendes e Erivélton; Edno e Romarinho (Rafael Oliveira). Técnico: Hélio dos Anjos.

Local: Arena Pernambuco. Horário: 16h30. Árbitro: Flávio Rodrigues Guerra (SP). Assistentes: Márcio Gleidson Correia Dias e Lúcio Ipojucan Ribeiro da Silva Mattos (ambos do PA).

Contra o ABC, Náutico quer superar traumas da goleada da última terça

Autor: Thiago Wagner

Como vai se comportar o Náutico depois de uma goleada frustrante de 4×1 em plena Arena Pernambuco? Essa possivelmente é a principal pergunta que o torcedor alvirrubro tem na cabeça para a partida do Timbu contra o ABC, neste sábado, às 16h10, mais uma vez na Arena, pela 29ª rodada Série B. Para tirar a pulga de trás da orelha dos torcedores, e até mesmo dar uma resposta positiva à torcida, os alvirrubros precisam da vitória para aliviar o ambiente, que está pesado não só pela resultado negativo, mas pelos salários atrasados no clube.

Timbu mantém esperança do G4, enquanto ABC quer fugir do rebaixamento.

Em oitavo com 41 pontos, o Náutico precisa dos três pontos para manter o sonho do acesso ainda vivo. O Timbu está a sete pontos do G4 (o Joinville tem 48 pontos) e mantém a esperança de subir de divisão. Para a partida contra os potiguares, o técnico Dado Cavalcanti contará com o retorno do volante Paulinho, que cumpriu suspensão na rodada anterior. Por outro lado não poderá contar com Vinícius, suspenso pelo terceiro amarelo.

Já o ABC corre contra o rebaixamento na Segundona, é o 13º com 35 pontos a seis da zona de rebaixamento. Os potiguares chegam empolgados pela vitória de 2×1 sobre o Avaí na última rodada e buscam mais três pontos para ganharem mais tranquilidade na competição. Só que o técnico Moacir Júnior não poderá com com o lateral Suéliton, que cumpre suspensão, e o atacante João Paulo, vetado pelo departamento médico.

Quem pode decidir?

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Sassá. O atacante não vem em uma grande fase no Timbu ultimamente, mas ainda assim é uma das principais esperanças da torcida alvirrubra na busca pela vitória. Sassá tem cinco gols na Série B e pode decidir contra os potiguares. Como Vinícius não joga, é o cara alvirrubro em campo.

Fique de olho

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Paulinho. O volante fez falta na derrota de 4×1 para o América-MG, na última terça-feira. Paulinho é importante não só na marcação, mas também na criação de jogadas, principalmente como elemento surpresa. Com ele em campo, o Náutico pode voltar a ser um time mais seguro no gramado e com mais opções ofensivas.

Palavra do treinador

Foto: Alexandre Gondim/Acervo JC Imagem

Foto: Alexandre Gondim/Acervo JC Imagem

“Eu acho que teremos mais uma vez a batalha da equipe que vai ficar na contenção, mas eu sempre digo que eu sou uma nuvem e os jogadores fazem chover”, disse o técnico Dado Cavalcanti.

A ameaça

Foto: Divulgação/ABC

Foto: Divulgação/ABC

Rodrigo Silva. O atacante dos alvinegros foi o grande destaque na vitória  por 2×1 sobre o Avaí na terça-feira. Os alvirrubros terão que ficar atentos a cada movimentação do jogador para não amargarem nenhuma surpresa neste sábado. Rodrigo tem quatro gols na Série B.

FICHA DA PARTIDA – NÁUTICO X ABC

Náutico: Júlio César; Rafael Cruz, William Alves, Renato Chaves e Rai; Paulinho, João Ananias e Cañete; Furlan, Sassá e Tadeu. Técnico: Dado Cavalcanti.

ABC: Gilvan; Madson, Marlon, Samuel e Michel Benhami; Fábio Bahia, Marcel, Daniel Amora e Rodrigo Mendes; Rodrigo Silva e Zambi.. Técnico: Moacir Júnior.

Série B (29ª rodada). Local: Arena Pernambuco, São Lourenço da Mata (PE). Horário: sábado, às 16h10. Árbitro:  Felipe Duarte Varejão (ES). Auxiliares: Katiuscia M Berger Mendonça e Fabio Faustino dos Santos (ambos do ES).