Palmeiras X Sport

Sport encara líder Palmeiras, por pontos e reforço na confiança na luta contra rebaixamento

Ficha do jogo
Palmeiras
Jailson; Jean, Mina, Vitor Hugo e Egídio; Moisés, Tchê Tchê e Zé Roberto; Róger Guedes, Dudu e Lucas Barrios. Técnico: Cuca.
Sport
Magrão; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Ronaldo Alves e Renê; Rithely, Paulo Roberto, Everton Felipe; Diego Souza e Rodney Wallace; Rogério. Técnico: Daniel Paulista.
Local: Allianz Parque, em São Paulo. Horário: 16h (do Recife). Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG-Fifa).Assistentes: Nadine Schramm Camara (SC-Fifa) e Pablo Almeida da Costa (MG)

Em busca do equilíbrio, Sport enfrenta o Palmeiras

Foto: André Nery/JC Imagem – Autor: Davi Saboya

A “Era Falcão” começou não deixando uma boa impressão depois do empate em 1×1 diante do Huracán na 1ª partida das oitavas de final da Copa Sul-Americana, mas aos poucos o time do Sport começou a demostrar que está entendendo os novos métodos do treinador. Após as vitórias diante do Avaí e Atlético-MG, nas duas últimas partidas do Brasileirão, o Leão já apresentou a cara do técnico Paulo Roberto Falcão. No confronto contra o Galo mineiro, o rubro negro não tomou conta do adversário e atropelou demostrando jogadas ensaiadas com a bola rolando e de bola parada, novas movimentações táticas e uma grande confiança no resultado positivo.

O Sport vai enfrentar o Palmeiras, neste sábado (24), às 20h (horário do Recife) em partida válida pela 32ª rodada do Campeonato do Brasileiro da Série B. É o início de uma sequência de dois jogos fora de casa, já que depois do alviverde paulista, o Leão vai jogar contra o São Paulo também longe do Recife.

Sob o comando da equipe na competição nacional, o técnico Falcão disputou 4 partidas. Nelas, foram 3 vitórias, 1 derrota, 11 gols marcados e 3 sofridos. Um histórico animador, mas que o treinador sabe que é impossível manter, mas espera que os jogadores encontrem um ponto de equilíbrio na atuação. Só que antes disso, ele precisa trabalhar outro fator com os seus atletas: o desempenho fora de casa. Na 6ª posição com 46 pontos e a 2 dos quatro primeiros colocados, o Sport ainda não venceu uma partida em outro território. Uma campanha inacreditável, mas que garantiu o clube na próxima edição do Brasileirão e ainda possibilitou sonhar com uma vaga na Libertadores. Vale lembrar que foi contra o Palmeiras que o Leão conseguiu a última vitória fora de casa por 2×0 na Série A do ano passado.

“É um grande confronto, pois são dois times precisando da vitória para subir na tabela. Dizer da dificuldade da partida é uma obviedade. O Palmeiras tem um time forte, de qualquer maneira (com reservas ou titulares). Precisamos ter uma boa atuação, porque assim ficaremos mais perto da vitória”, afirmou o técnico rubro-negro.

ARBITRAGEM

O goiano André Castro, de 41 anos, vai comandar a sua décima partida no Brasileirão, a segunda envolvendo os rubro-negros. Na primeira, não deixou boas lembranças. No dia 19 de julho, na Arena Pernambuco, marcou pênalti a favor do Sport e depois voltou atrás, assinalando a falta fora da área. O erro só não custou mais caro porque o Leão venceu o São Paulo por 2×0. Mesmo assim, a diretoria rubro-negra entrou com uma representação na CBF contra o goiano.

DESFALQUE

O treinador Falcão não vai poder contar com dois jogadores que vinham sendo importantes no time, principalmente no segundo tempo das partidas. Depois de perder o André no último jogo, pelo famoso “acordo de cavalheiros” com o Atlético-MG, o Sport não vai poder contar com o atacante Maikon Leite pelo mesmo motivo. O outro desfalque é o meia Régis. Ele sofreu um pequeno estiramento na coxa, está se recuperando bem da lesão, mas o departamento médico preferiu não agilizar o processo e deixar o jogador em tratamento por mais uma semana para não perder o atleta no restante dos jogos da Série A.

Foto: André Nery/JC Imagem

Foto: André Nery/JC Imagem

TIME

Uma notícia pegou Falcão de surpresa no último treino antes do confronto contra o Palmeiras realizado nesta sexta-feira (23) no Centro de Treinamento do São Paulo. O zagueiro Durval não treinou durante a semana toda, existia a expectativa que ele participasse dos trabalhos, mas novamente, o xerife não participou da atividade e é dúvida para o duelo diante do alviverde paulista. Ele deve ser substituído por Ewerton Páscoa.

Retornam ao time, o atacante André, fora do último jogo por que tinha vínculo com o adversário, na vaga no centroavante Hernane Brocador e o volante Rithely, que estava suspenso pelo terceiro cartão amarelo, retorna aos 11 titulares no lugar do Ronaldo. Além da dúvida de última hora na defesa e dos desfalques do meia Régis e do atacante Maikon Leite, o restante da escalação do Sport deve ser a mesma que entrou em campo no último duelo.

“Senti nos trabalhos dessa semana que o espírito do grupo é bom. Existe uma situação de mais confiança. Gostei da reação dos jogadores. Até brinquei com eles antes do treino de hoje (quinta-feira) dizendo: ‘Tô achando vocês muito relaxados’. Fiz para provocar mesmo. Eles me responderam que estavam focados. Era isso que eu queria ouvir deles”, declarou Falcão.

ADVERSÁRIO 

O Palmeiras entra em campo neste sábado (24) para enfrentar o clube pernambucano com um olho no Brasileirão e o outro na Copa do Brasil. A equipe realizou o primeiro jogo das semifinais da Copa do Brasil na última quarta-feira (21) contra o Fluminense no Rio de Janeiro e perdeu por 2×1 o jogo de ida. No meio da próxima semana, no segundo duelo, o time vai precisar tirar a diferença no placar e por isso, vai entrar com o time reserva diante do Sport, exceto o goleiro Fernando Prass que está confirmado entre os titulares.

Com 48 pontos na 6ª colocação e a 1 do G4, o time paulista tem 5 desfalques por questões médicas: os volantes Gabriel e Arouca, os meias Robinho e Cleiton Xavier e o atacante Kelvin. O técnico Marcelo Oliveira comandou um treino com os suplentes nesta sexta-feira visando o Sport. Entre os reservas e no jogo contra o Leão, titulares, estão o o lateral esquerdo Egídio e o jovem atacante Gabriel Jesus, que vem sendo convocado para a seleção brasileira olímpica.

FICHA TÉCNICA     

PALMEIRAS

Fernando Prass; João Pedro, Jackson, Leandro Almeida e Egídio; Thiago Santos, Andrei Girotto, Mouche, Allione e Gabriel Jesus; e Cristaldo. Técnico: Marcelo Oliveira

SPORT

Danilo Fernandes; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Renê; Rithely, Wendel, Diego Souza, Marlone e Élber; e André. Técnico: Paulo Roberto Falcão.

Local: Estádio Pacaembu. Horário: 20h (Horário do Recife). Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO). Assistentes: Cristhian Passos Sorence e Evandro Gomes Ferreira (ambos de GO)