Santa Cruz 4×1 paraná

Ataque desencanta e Santa vence o Paraná no Arruda

Fotos: Diego Nigro / JC Imagem  Autor: Matheus Albino

O Santa Cruz contou com o seu ataque inspirado para vencer a primeira na Série B do Brasileiro. Nesta sexta-feira o Tricolor derrotou o Paraná por 4×1, no Arruda, pela segunda rodada da Segundona, e alcançou a quarta colocação na tabela. Apesar do placar elástico o time desperdiçou muitas chances, principalmente no primeiro tempo, e poderia sair com uma goleada ainda maior.

No entanto o mais importante foram os primeiros três pontos, o que dá mais tranquilidade ao técnico Ricardinho e todo o time. Os gols foram marcados por: Anderson Aquino (2x), Rodrigo (contra) e o garoto Nathan. O Santa volta a campo no próximo sábado, contra o América-MG em Minas Gerais. Já o Paraná recebe o Boa Esporte no Durival de Britto.

Noite de lembranças ruins

Quando Santa Cruz e Paraná entraram no gramado do Arruda nesta sexta-feira as lembranças daquela fatídica noite de 2 de maio de 2014, onde o torcedor Paulo Ricardo foi morto com uma privada na cabeça. O crime ocorreu também numa sexta-feira à noite, e manchou a história do futebol Pernambucano e Brasileiro, e ainda fez mais uma família lamentar a morte de um parente por conta da interminável violência entre torcidas organizadas.

O jogo

O Santa começou em cima do Paraná, marcando ofensivamente e deixando o adversário no campo de defesa. A marcação paranista deixou espaços e contribuiu para a pressão tricolor.

O gol saiu cedo, logo aos seis minutos com colaboração do zagueiro Rodrigo, que jogou contra o próprio patrimônio após levantamento na área. O Santa continuou com espaços para trabalhar a bola, mas o ataque repetiu, no primeiro tempo, a atuação em Macaé e perdeu um caminhão de gols. Anderson Aquino, João Paulo e Bruno Mineiro tiveram chances claras mas precisam melhorar a pontaria.

O camisa 10 no entanto foi o principal destaque e merece ser perdoado pela chance desperdiçada aos 18 minutos. Ele foi o principal articulador do time e também levou perigo ao goleiro principalmente nas cobranças de bola parada. Quando tudo encaminhava para um primeiro tempo tranquilo o Paraná chegou numa bola parada e igualou o marcador.

Rafael Costa levantou na área e Rodrigo desta vez marcou a favor. A torcida não gostou, o técnico Ricardinho menos. Depois de tantas oportunidades desperdiçadas o Santa tomou o empate e foi para o intervalo precisando corrigir algumas falhas.

Na volta Ricardinho tirou Bruno Mineiro e colocou o garoto Nathan. A mudança logo surtiu efeito. Aos nove minutos Nathan aproveitou o cruzamento de Renatinho e cabeceou firme para as redes. Destaque na jogada para a raça de João Paulo, que recuperou a bola após escorregar e quase deixá-la sair pela linha de fundo. Antes do gol Nathan havia feito uma linda jogada, deixando o zagueiro no chão e chutando em cima de Marcos.