Santa Cruz x Ceará

Santa Cruz tem o Ceará pela frente para fugir do perigo

Ficha do jogo – Santa Cruz x Ceará

Santa Cruz

Julio Cesar; Nininho, Anderson Salles, Sandro e Tiago Costa; Wellington Cézar, Derley e Tiago Primão; André Luís, Grafite e João Paulo. Técnico Marcelo Martelotte.

Ceará

Everson; Cametá, Rafael Pereira, Luiz Otávio e Romarinho; Raul, Pedro Ken e Lima; Leandro Carvalho, Elton e Lelê (Ricardinho). Técnico: Marcelo Chamusca.

Local: Arruda. Horário: 16h15.

Árbitro: Leonardo Garcia Cavaleiro (RJ).

Assistentes: João Luiz Coelho de Albuquerque (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ).

Ingressos R$ 20 e R$ 10 para arquibancada inferior.

Santa Cruz tem prova de fogo como cartão de visitas a Milton Mendes

Autor: Wladmir Paulino

Adriano fez mistério no último trabalho do Santa Cruz. Foto: JC Imagem.

O Santa Cruz tem a primeira chance de colocar um ponto final em seu início de temporada cambaleante a partir das 21h45 desta quarta-feira (30), quando enfrenta o Ceará pelas quartas de final da Copa do Nordeste, no Arruda. A diretoria tricolor demitiu o então técnico Marcelo Martelotte logo após a confirmação da classificação e, para seu lugar, trouxe Milton Mendes, que estará no estádio, mas ainda sem confirmar se no banco de reservas ou nas tribunas acompanhando.

Mais do que impressionar o novo chefe, os jogadores têm que dar uma resposta a si mesmos e à torcida. No Campeonato Pernambucano, a equipe ainda não se classificou às semifinais – disputa a última vaga com o América, com quem empatou por 0x0 no último sábado. Por isso, largar bem diante do atual campeão do Nordestão daria novo fôlego e tranquilidade para o novo técnico iniciar os trabalhos.

MISTÉRIO
O técnico interino Adriano Teixeira adotou o mistério na véspera do jogo. Fechou as portas do treino e não confirmou a escalação. Mesmo assim vai ser difícil fugir da base que atuou contra o América. Ele admitiu que pode usar o meia-atacante Lelê, ausente nos últimos seis jogos por contusão. “Ele saiu da transição e está treinando com todo grupo. A possibilidade existe”, disse.

Mais do que questões técnicas e táticas, o interino acredita que a consciência de que é preciso melhorar vai fazer a diferença em favor de seus comandados. “Sei que eles vão procurar fazer o melhor. O que tinha de errar já erramos. Agora é reverter e ganhar confiança, mas a vitória só vem como muito trabalho em campo e estão todos conscientes disso”, avaliou.

Sobre o adversário, Adriano não acredita que os problemas do Ceará, que também demitiu o técnico – Lisca – seja algo favorável aos tricolores. “O Ceará tem seus problemas e nós os nossos. Estamos aqui para resolver os nossos, os deles eles têm que resolver”, resumiu.

ADVERSÁRIO
O Ceará pode contar com as estreias dos meias Felipe e Zé Mário, o mesmo que defendeu Náutico e Sport em 2014. O técnico interino Cristian de Souza não vai levar para o jogo outro conhecido da torcida pernambucana, o atacante Siloé.

Ficha do jogo:

Santa Cruz: Tiago Cardoso; Vítor, Alemão, Leonardo e Allan Vieira; Wellington Cézar, Uillian Correia e João Paulo; Wallyson, Keno e Grafite. Técnico: Adriano Teixeira (interino).

Ceará: Éverson, Cametá, Charles, Thiago Carvalho, Fernandinho; João Marcos, Baraka, Richardson; Assisinho, Bill e Rafael Costa. Técnico: Cristian de Souza (interino).

Local: Arruda. Horário: 21h45. Árbitro: Pablo dos Santos Alves (PB). Assistentes: Tomaz Diniz de Araujo e Luis Filipe Gonçalves Correa (ambos da PB). Ingressos: R$ 10 (arquibancada superior), R$ 15 (atrás dos gols e sócios), R$ 20 e R$ 40 (meia e inteira na arquibancada inferior).

Santa Cruz recebe o Ceará para colar de vez no G4

Mais do que vencer fora, Santa Cruz quer chegar chegando no G4 – Autor: Wladmir Paulino

Dos times pernambucanos, o Santa Cruz é a equipe que está mais viva no campeonato nacional. O principal responsável por isso é o técnico Marcelo Martelotte. Sob o comando dele, o tricolor saiu da zona de rebaixamento e está colado no G-4 do Campeonato Brasileiro da Série B. Para diminuir os quatro pontos que separam o clube do grupo de acesso, nada melhor que uma sequência de vitórias. Depois da conquista fora de casa por 3×1 em cima do Boa Esporte na última rodada, o Santa Cruz tem uma boa oportunidade de diminuir a distância para os quatro primeiros colocados. Neste sábado(19), a equipe coral enfrenta o Ceará, às 16h30, no Arruda pela 27ª rodada e só os três pontos interessam no confronto.

Enquanto os pernambucanos brigam pelo acesso, o Ceará vem brigando para fugir da zona de rebaixamento. O time cearense está na 17ª colocação a cinco pontos da zona de conforto e vem de uma sequência de duas vitórias, dois empates e uma derrota.

Marcelo Martelotte fechou o último treinou do Santa Cruz e não adiantou nenhum detalhe do time que vai enfrentar os cearenses. Os zagueiros Alemão e Néris no departamento médico e o atacante Luisinho suspenso pelo terceiro cartão amarelo desfalcam o tricolor. Grafite deve voltar ao time titular depois de cumprir suspensão. Renatinho também cumpriu punição, fica à disposição do treinador, mas a sua volta a equipe principal não é certa. Outro jogador que também está na briga por uma vaga no time do técnico Martelotte é o meia Lelê, que se recuperou de uma lesão muscular.

CEARÁ

Depois conquistar o título da Copa do Nordeste deste ano, o Ceará não começou bem a Série B e desde a primeira partida está frequentando as últimas posição. O técnico Marcelo Cabo é o quarto treinador no comando da equipe alvinegra nesta temporada. Desde a sua chegada, não repetiu a formação e neste sábado(19) contra o Santa Cruz não vai ser diferente. Ele vai esconder a escalação e só adiantou que o zagueiro Charles vai ser titular. Uma das dúvidas dele é no ataque: Júlio César e Alex Amado brigam por uma vaga.

FICHA TÉCNICA

SANTA CRUZ

Tiago Cardoso; Vitor, Diego Sacoman, Danny Morais, Alan Vieira; Wellington César, Renatinho, João Paulo, Daniel Costa(Lelê); Diogo Campos(Raniel) e Grafite. Técnico: Marcelo Martelotte

CEARÁ

Luís Carlos; Tiago Cameta, Charles, Sandro, Vitor Luís; Carlão, Guilherme Andrade, Ricardinho; Júlio César(Alex Amado), Mazola, Júlio César. Técnico: Marcelo Cabo

Local: Arena Pernambuco. Horário: 16h30. Árbitro: Antonio Neuriclaudio Costa (AC). Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Jean Carlos Rodrigues (AC).