Sport-PE x Botafogo-PE

Sport e Botafogo-PB fazem duelo da ressurreição e buscam a classificação

Neto Baiano é a principal esperança de gols para superar o Botafogo-PB. Foto: Alexandre Gondim / JC Imagem

A Ilha do Retiro vai ser palco nesta quinta-feira (6) de um confronto entre dois times que até poucos dias estavam praticamente enterrados na Copa do Nordeste, mas que agora reaparecem com chances reais de se classificarem à próxima fase da competição.

A vida de Sport e Botafogo-PB, sem dúvidas, foram as mais difíceis entre todos os participantes do Nordestão. De um lado o rubro negro pernambucano, que teve um início de ano conturbado por conta da falta de reforços para o elenco, e da manutenção de alguns destaques da temporada passada, como tanto pediram e questionaram os seus torcedores.

Se os reforços de peso ainda não desembarcaram na Ilha, teve gente importante deixando o clube, este foi o técnico Geninho, que não resistiu aos cinco jogos sem vitória no comando do time, e foi demitido do cargo.

Atualmente com cinco pontos na segunda posição do Grupo D, o time precisa de uma vitória simples diante dos alvinegros. Caso empate, terá que torcer por um empate entre Guarany de Sobral-CE e Náutico que jogam em Sobral, ou, que o Cacique do Vale supere os alvirrubros.

No outro lado do campo de jogo, estará o alvinegro da Paraíba, campeão da última Série D, que chegou como a terceira força do grupo, e que por pouco não foi eliminado antes do previsto, e esse foi o grande desafio enfrentado pelo belo neste começo de ano.

Tudo por que a equipe foi punida com a perda de quatro pontos, imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), por causa da escalação de dois jogadores, de forma irregular – Thiaguinho (atacante) e Pio (volante).

Assim, o time paraibano ficou com menos três pontos na tabela, e precisou lutar muito para estar com chances de classificação até esta última rodada. Uma vitória e um empate sobre o Náutico, e uma vitória sobre o Guarany de Sobral-CE, fizeram com que a equipe mantesse viva as chances de avançar à próxima fase.

Ocupando a última posição do grupo com quatro pontos, o time precisa vencer o Sport e torcer para que o Náutico não vença o Guarany em Sobral.

Para vencer e passar de fase, o Sport chega com moral após a vitória po 3×0 em cima do Náutico, em plena Arena PE, casa do adversário. O time agradou tanto o técnico Eduardo Baptista, que ele vai repetir a escalação neste novo desafio. A única ausência, é o zagueiro Oswaldo, que teve uma lesão no rosto, no clássico,e será poupado pelo treinador.


Após vencer o clássico contra o Náutico, Eduardo Baptista segue no comando técnico do time. Foto: Diego Nigro / JC Imagem

Um dos destaques contra o timbu, o atacante Érico Junior, disse estar tratando esta partida como o “jogo da vida”. “Eu encaro não só esse jogo, como encarei também o do Náutico, como o jogo da minha vida. Estamos tranquilos, antes desclassificados, agora temos chances de avançar de fase. Sabemos como joga o Botafogo e vamos tranquilo para”, contou.

Forte no apoio e mais ainda na pressão, essa é a torcida do Sport dentro da Ilha do Retiro. Sabendo da impaciência do seu torcedor, Érico afirmou que os torcedores serão o reflexo do time em campo, por tanto, será preciso mostrar um bom futebol para não ouvir reclamações das arquibancadas.

“Vamos ser o reflexo dentro de campo. Se jogarmos bem a torcida vai nos apoiar. Acho que vamos fazer uma boa partida e que a torcida vai nos incentivar”, comentou.

O adversário

Falta de tempo é a palavra mais dita pelos jogadores e toda a comissão técnica do alvinegro paraibano. Depois de ter jogado contra o Náutico na última terça-feira, o time se prepara para o jogo da vida na Copa do Nordeste, contra o Sport, na Ilha do Retiro. No quarto jogo em apenas oito dias, o time tenta esquecer o cansaço para conquistar uma vaga na fase final do nordestão.

Ficha de jogo

Sport: Magrão;Patric, Ferron, Durval e Renê; Ewerton Páscoa, Rithely, Aílton e Ananias; Érico Junior e Neto Baiano.Técnico: Eduardo Baptista.

Genivaldo; Ferreira, Magno Alves, Everton e Celico; Zaquel, Pio, Doda e Lenílson; Frontini e Rafael Aidar. Técnico: Marcelo Villar.

Copa do Nordeste (6° rodada)

Local: Ilha do Retiro

Horário: 20h30

Árbitro:Arilson Bispo da Anunciacao (BA)

Assistentes:Alessandro A Rocha de Matos (BA) e Adson Marcio Lopes Leal (BA)