Sport x Cruzeiro

Magrão pega pênalti e sem criatividade, Sport empata sem gols com o Cruzeiro, na Ilha

Ficha do jogo

Sport 0
Magrão; Ernando ( Raul Prata), Ronaldo Alves, Durval e Sander; Marcão, Neto Moura (Jair), Andrigo (Mateus), Rogério e Marlone; Hernane Brocador. Técnico: Eduardo Baptista
Cruzeiro 0
Fábio; Ezequiel, Leo, Manuel e Egídio; Lucas Silva e Bruno Silva; Mancuello, Robinho (Raniel) e Rafinha (Éderson); Barcos (David). Técnico: Mano Menezes
Local: Ilha do Retiro
Horário: 16h
Data: 8/9/2018 (sábado)
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo (SP)
Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP) e Rogério Pablos Zanardo (SP)
Cartão amarelo: Neto Moura (S), Robinho (C), Jair (S), Ronaldo Alves (S)
Público: 9.524
Renda: R$53.460

Em busca de reação no Brasileiro, Sport deixa final da Copa do Nordeste “de lado”

Ficha do jogo

Sport
Magrão, Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Evandro; Fabrício, Ronaldo e Rithely; Diego Souza, André e Rogério. Técnico: Ney Franco
Cruzeiro
Fábio; Lucas Romero, Dedé, Leo e Diogo Barbosa; Hudson (Ariel Cabral), Henrique, Rafinha, Arrascaeta e Alisson; Ábila. Técnico: Mano Menezes.
Local: Ilha do Retiro.
Horário: 19h. Árbitro: João Batista de Arruda (RJ).
Assistentes: Luiz Claudio Regazone e Eduardo de Souza Couto (ambos do RJ).
Ingressos: R$ 60 (arquibancada frontal), R$ 30 (sócios e estudante); R$ 40 (arquibancada lateral) e R$ 20 (sócio e estudante).

Sport encara o Cruzeiro no jogo da permanência na Série A do Brasileiro

Ficha do jogo
Sport
Magrão; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Ronaldo Alves e Renê; Rithely, Neto Moura, Everton Felipe, Diego Souza e Rogério; Ruiz. Técnico: Daniel Paulista
Cruzeiro
Rafael; Lucas Romero, Leo, Bruno Rodrigo e Bryan; Henrique, Ariel Cabral, Alex (Lucas Romero) e Arrascaeta; Rafael Sobis e Willian. Técnico: Mano Menezes.
Local: Ilha do Retiro. Horário: 20h45. Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP). Assistentes: Rodrigo Henrique Correa (Fifa-RJ) e Bruno Raphael Pires (Fifa-GO). Ingressos: esgotados.

Sport recebe o Cruzeiro e tenta manter boa fase

Autor: Matheus Albino

Leão está há 28 jogos sem perder como mandante. Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Último jogo do domingo pela Série A, Sport e Cruzeiro entram em campo às 18h30 na Arena PE no fechamento da 16° rodada. O Leão quer manter o bom aproveitamento dentro de casa, onde não perde há 28 jogos, e seguir no G-4, podendo até assumir a terceira colocação caso o Palmeiras não vença o Atlético-PR na Alianz Parque Arena.

O Rubro-Negro vem de um importante empate com o Grêmio fora de casa. Já o Cruzeiro vive má fase e vem despencando na tabela. Na rodada passada perdeu para o São Paulo no Morumbi. Fora de casa a Raposa conquistou duas vitórias, sendo uma sobre o Vasco em São Januário. A outra não foi tão longe da Toca da Raposa – o clássico contra o Atlético no Mineirão, mas com o Galo sendo o mandante.

Sport sem mistérios

O técnico Eduardo Baptista aproveitou a semana para arrumar a casa e encontrar os substituto do ponta direita Élber, que não pode atuar por ter vínculo com o time celeste. Régis treinou nos últimos dias e foi o escolhido.

Mas antes ele teve uma conversa com Baptista que pediu para ajudar mais na marcação, já que o antigo titular preenchia o setor direito e ajudava a conter as descidas dos laterais. Renê está de volta na lateral esquerda no lugar de Danilo. No mais o time é o mesmo que vem fazendo grande campanha no Brasileirão.

Quem pode decidir?

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

O camisa 87 foi o escolhido como provável protagonista não só porque é o artilheiro do time ao lado de André, com cinco gols, mas também por ser quem mais apresenta capacidade de desequilibrar um jogo decisivo seja com um passe ou com gols.

Outro ponto é que ele já vestiu a camisa azul celeste e não foi bem. Provavelmente está na expectativa de fazer um bom jogo e mostrar que quem perdeu na verdade foram os cruzeirenses.

Fique de olho

O camisa 9 tem papel fundamental no esquema de Eduardo Baptista. Além dos gols, ele ajuda na marcação pressão para conter a saída de jogo do adversário. Essa tática deve ser ainda mais utilizada já que o Cruzeiro vem com três volantes e para contê-los é preciso marcar adiantado.

O adversário

Treino da equipe do Cruzeiro na Toca ll em BH. Foto: Washington Alves/Light Press/Cruzeiro

Treino da equipe do Cruzeiro na Toca ll em BH. Foto: Washington Alves/Light Press/Cruzeiro

O técnico Vanderlei Luxemburgo, chamado de estrategista nato por Eduardo Baptista, fez mudanças no time, algumas forçadas e outras por opção. Ele não conta com os laterais Fabrício, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, e Ceará machucado. Mayke e Mena foram escolhidos. Por isso o time terá a 12° formação em 12 jogos. A principal novidade é a entrada dos três volantes – Charles, Willians e Henrique. Apenas o garoto Alisson na armação. Na frente, Marinho e Vinícius Araújo.

Ficha de jogo

Sport: Danilo Fernandes; Samuel Xavier, Durval, Matheus Ferraz e Renê; Wendel, Rithely, Régis e Diego Souza; Marlone e André. Técnico Eduardo Baptista

Cruzeiro: Fábio; Mayke, Manoel, Paulo André e Mena; Henrique, Willians e Charles; Marinho e Alisson; Vinícius Araújo.Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Série A (16° rodada). Local: Arena PE. Horário: 18h30. Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS). Assistentes: Marcelo Van Gasse (SP) e Fabricio Vilarinho da Silva (GO)

Sport encara o líder Cruzeiro para voltar a subir na tabela

Foto: Guga Matos/Acervo JC Imagem – Autor: Marina Padilha

Parar o líder da competição e manter o retrospecto positivo como mandante são os objetivos do Sport na partida deste sábado, contra o Cruzeiro. O jogo é válido pela 25ª rodada da Série A e acontece às 18h30 na Arena Pernambuco. O Leão da Ilha é o oitavo colocado da competição com 35 pontos somados até agora. No topo da tabela, a Raposa está disparada – tem 52 pontos, oito a mais que o vice-líder Internacional.

Pela última rodada, as duas equipes jogaram na última quarta feira. O Sport perdeu para o Bahia por 1×0, em Salvador. O Cruzeiro foi ao Paraná onde venceu o Coritiba por 2×1.

O Leão e seus desfalques

São nove jogadores no departamento médico e a assumida frustração do técnico Eduardo Baptista. Principalmente depois que o zagueiro Ewerton Páscoa, que estava prestes a ser relacionado para a partida contra o time mineiro, sentiu outra vez a lesão e vai ficar de fora de mais um jogo. “Vou escalar o time por eliminação. Seria o Páscoa, mas ele sentiu. Agora vou ver os que estão à disposição, mas é uma situação difícil”, disse o técnico.

Cruzeiro tem o melhor ataque da Série A

A Raposa tem 49 gols no Brasileirão, deixando de marcar em apenas três partidas. O Cruzeiro ainda conta com os dois primeiros na artilharia da Série A: Marcelo Moreno e Ricardo Goulart. A dupla contabiliza 23 gols no campeonato – 12 de Marcelo e 11 de Goulart.

Quem pode decidir

Foto: Hélia Scheppa/Acervo JC Imagem

Foto: Hélia Scheppa/Acervo JC Imagem

Diego Souza. Chegou ao Sport como jogador midiático, mas ainda não fez uma grande partida. Ainda assim, já é peça importante na equipe. Serve bem os companheiros de time – deu o passe decisivo para que Felipe Azevedo marcasse o único gol da vitória sobre o Coritiba no último domingo.

Fique de olho

Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem

Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem

Patric. Artilheiro do Sport na competição com cinco gols, o jogador foi decisivo nas últimas partidas do Leão na Arena Pernambuco e volta à equipe titular depois de cumprir suspensão no jogo contra o Bahia.

Palavra do Técnico

Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem

Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem

“Precisamos de muita disposição e posse de bola para que eles ofereçam menos riscos. Lógico que o jogo vale três pontos, mas é importante porque é contra o time do momento. Temos condições de vencer o Cruzeiro”.

O adversário

Na tarde desta sexta, a equipe mineira treinou no CT do Náutico, em Paratibe. O técnico Marcelo Oliveira adiantou que o lateral-direito Mayke e o volante Lucas Silva voltam à titularidade na partida contra o Sport. Na vaga de William, suspenso por ter levado o terceiro cartão amarelo, Marquinhos e Dagoberto são as possibilidades.

O atacante Marcelo Moreno foi poupado nesta sexta por conta de um desgaste muscular e acabou virando dúvida para o sábado, ainda que o jogador tenha sido poupado no treino que antecedia o jogo contra o Coritiba, mas acabou sendo escalado.

Ficha Técnica: Sport x Cruzeiro

Sport: Magrão; Patric, Durval, Henrique Mattos e Renê; Rithely, Wendel, Ibson e Diego Souza; Felipe Azevedo e Neto Baiano. Técnico: Eduardo Baptista

Cruzeiro: Fábio; Mayke, Dedé, Manoel e Egídio; Henrique e Lucas Silva; Everton Ribeiro, Ricardo Goulart e Marquinhos (Dagoberto); Marcelo Moreno (Borges). Técnico: Marcelo Oliveira.

Campeonato Brasileiro – Série A (25ª rodada). Estádio: Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE). Sábado (27), às 18h30. Árbitro: Marielson Alves da Silva (BA). Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (BA) e Cleriston Clay Barreto Rios (SE).

Vencer é importante, mas jogo 500 de Magrão pelo Sport é o atrativo do duelo contra o Cruzeiro

Goleiro atinge marca histórica no Leão. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem – Autor: Thiago Wagner

É claro que o resultado da partida entre Cruzeiro e Sport, nesta quarta-feira, no Mineirão, pela sexta rodada do Brasileirão, tem a sua importância. Afinal, o Leão, que está em décimo com tem sete pontos, pode ficar mais perto do G4 da competição se vencer a Raposa – vice-líder com dez. No entanto, existe outro foco em particular neste jogo: os 500 jogos do goleiro Magrão pelo Rubro-negro. São aproximados 45 mil minutos de serviço ao Sport para serem comemorados. Logo, existe um personagem que chamará a atenção durante todo o jogo. É dia de celebrar Magrão. Se a vitória vier, melhor ainda para o arqueiro que renovou o seu contrato até o fim de 2015.

Para conseguir a festa completa para um dos principais ídolos rubro-negros, o técnico Eduardo Baptista optou por não apostar em grandes surpresas. Em relação ao time que venceu o Coritiba, a única mudança é a entrada de Ewerton Páscoa no lugar de Rithely. O restante da equipe é o mesmo. Eis o time: Magrão; Patric, Ferron, Durval e Renê; Rodrigo Mancha, Ewerton Páscoa, Augusto César e Renan Oliveira; Leonardo e Neto Baiano.

Com a manutenção dessa formação, espera-se que o Sport tenha mais equilíbrio como time e possa atacar e se defender com competência. A escalação pode indicar um time com três volantes e mais recuado, mas é provável que o Leão mantenha o 4-3-3 da temporada com Augusto na armação e Renan Oliveira aberto pelos lados do campo junto com Leonardo.

“O time do Cruzeiro é de extrema qualidade. Eles têm vários pontos de desequilíbrio e temos que tentar anulá-los. Não podemos ficar só na marcação e ficarmos muito expostos. Temos que tentar agredir um pouco, marcar no campo deles e ter mais posse bola”, disse Baptista que com certeza está preocupado de enfrentar o melhor ataque do Brasileirão, com dez gols.

CRUZEIRO – Vinda de vitória na última rodada, a Raposa quer emplacar sua segunda vitória seguida e assumir a ponta da competição nacional. O técnico Marcelo Oliveira promoverá mudanças em relação ao último confronto. Com lesão no joelho direito, Dedé dá lugar a Léo, já por opção do comandante, Mayke entra na lateral direita no lugar de Ceará e Marcelo Moreno fica com a titularidade ao invés de Borges que anotou um dos gols da vitória contra o Coxa.

FICHA DA PARTIDA – CRUZEIRO X SPORT

Cruzeiro: Fábio; Mayke, Léo, Bruno Rodrigo e Egídio; Henrique e Nilton, Éverton Ribeiro, Ricardo Goulart e Dagoberto; Marcelo Moreno. Técnico: Marcelo Oliveira

Sport: Magrão; Patric, Ferron, Durval e Renê; Rodrigo Mancha, Ewerton Páscoa, Augusto César e Renan Oliveira; Leonardo e Neto Baiano. Técnico: Eduardo Baptista.

Brasileirão (6ª rodada). Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG). Horário: quarta-feira, às 21h. Árbitro: Felipe Gomes da Silva (PR). Assistentes: Bruno Boschilia (PR) e Rafael Trombeta (PR).