Sport x Vitória

Oito meses depois, Sport e Vitória voltam a se enfrentar em jogo com cara de decisão

Ficha do jogo

Sport
Magrão; Samuel Xavier, Ronaldo Alves, Durval e Sander; Rithely, Patrick e Fabrício; Diego Souza, André e Osvaldo. Técnico: Vanderlei Luxemburgo
Vitória
Fernando Miguel; Patric, Kanu, Fred e Thallyson; Willian Farias, Uillian Correia (Fillipe Souto) e Cleiton Xavier; Neilton, David e Kieza. Técnico: Alexandre Gallo
Local: Ilha do Retiro.
Horário: 19h.
Árbitro: Andre Luiz de Freitas Castro (GO).
Assistentes: Bruno Raphael Pires e Leone Carvalho Rocha (ambos GO).
Ingressos: R$ 60 (arquibancada frontal), R$ 30 (estudante) e R$ 20 (sócio); R$ 40 (arquibancada lateral), R$ 20 (estudante) e R$ 10 (sócio).

Em situação delicada, Sport recebe o Vitória na Ilha do Retiro

Autor: Marina Padilha

Precisando aproveitar as oportunidades como mandante para reconquistar a confiança da torcida e do próprio time, o Sport recebe neste domingo, às 18h30, o Vitória. A partida é válida pela 28ª rodada da Série A e acontece na Ilha do Retiro. E o clima é de mistério no estádio rubro-negro, pois o técnico Eduardo Baptista só deve divulgar a escalação minutos antes do jogo. Até o momento, o treinador disse que ainda tem uma dúvida que, possivelmente, é no ataque.

Na nona posição, o Leão tem 36 pontos somados até agora e vem de quatro rodadas sem vitória. No último jogo, perdeu de 2×0 para o Grêmio, em Porto Alegre. Já os baianos estão na 18 colocação, com 28 pontos. Na última rodada, empataram com o Goiás, em Salvador.

Passou da hora de vencer

Entre comissão técnica, jogadores e a torcida o discurso é o mesmo: o Sport precisa recuperar-se para voltar a pontuar na competição. Foram quatro rodadas seguidas sem vencer. Fora de casa, o Leão já soma oito derrotas seguidas e não vence desde o dia 31 de maio. Para o goleiro Magrão o time não está em tempo de vencer – esse tempo até já passou. E Eduardo Baptista já avisou: vencer o Vitória é obrigação.

Quem pode decidir?

Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem

Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem

Neto Baiano. Apesar da seca de gols, o Camisa 9 ainda é o principal responsável pelo ataque rubro-negro. Ainda mais agora que está na bronca com a torcida, o jogador tem um incentivo a mais para balançar as redes dos baianos.

Fique de olho.

Foto: Alexandre Gondim/Acervo JC Imagem

Foto: Alexandre Gondim/Acervo JC Imagem

Diego Souza. Um dos principais articuladores do Sport, Diego ainda é rápido e capaz de arrancadas no meio de campo que algumas vezes acabam em chutes perigosos a gol.

O adversário

O Vitória vem ao Recife disposto a dar trabalho para os donos da casa. O técnico Ney Franco deve colocar a equipe titular em campo com três  atacantes – Vinicius, Edno e Dinei. A proposta ofensiva corresponde à necessidade que a equipe baiana tem de deixar a zona de rebaixamento. Voltando um pouco no tempo, as lembranças que o Leão baiano tem do pernambucano são boas. Em agosto, os dois rubro-negros se enfrentaram pela Sul-Americana e quem levou a melhor – tanto no jogo de ida quanto no de volta – foi o Vitória. Na partida que aconteceu na Ilha do Retiro, o placar foi de 1 a 0 para o visitante, com gol de Marcinho.

Apesar do retrospecto positivo para o time visitante, é preciso lembrar que jogando na Ilha o Sport costuma dar mais trabalho do que quando atua fora de casa. O duelo contra entre Sport e Vitória acontece em um momento delicado para as duas equipes. Alem da situação de ambos no Campeonato, os dois vêm de resultados pouco agradáveis da rodada que aconteceu no meio da semana.

Ficha Técnica: Sport x Vitória

Sport: Magrão; Patric, Durval, Henrique e Renê; Rithely, Wendel, Ibson e Diego Souza; Felipe Azevedo e Neto Baiano. Técnico: Eduardo Baptista.

Vitória: Gatito Fernández; Nino, Roger Carvalho, Kadu e Juan; Luiz Gustavo, Richarlyson e Marcinho; Vinicius, Edno e Dinei. Técnico: Ney Franco.

Campeonato Brasileiro (Série B) – 28ª rodada. Estádio: Ilha do Retiro, Recife (PE). Domingo (12), às 18h30. Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS). Assistentes: Marcelo Bertanha Barison e José Antônio Chaves Franco Filho (ambos do RS).