Transporte público será prioridade para Náutico x Sporting

Secopa convocou imprensa para apresentar a operação do amistoso do Timbu. Foto: Thiago Wagner/Blog do Torcedor

Em coletiva na manhã desta quinta-feira, em um hotel no bairro de Boa Viagem, Zona Sul do Recife, a Secretária Extraordinária da Copa em Pernambuco apresentou o plano de operação para a partida amistosa entre Náutico e Sporting, no dia 22 de maio, na Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata. O jogo é um dos eventos testes da Fifa e funcionará no mesmo regime da Copa das Confederações deste ano e da Copa do Mundo de 2014, ou seja, o transporte público será a prioridade para o torcedor. Os carros não poderão entrar no estacionamento do estádio, com exceção dos veículos credenciados (imprensa, delegações e autoridades, por exemplo).
A principal via de acesso para a Arena Pernambuco será o metrô. O torcedor poderá pegar o transporte em qualquer estação e descer no terminal Cosme e Damião, onde haverá ônibus circulares à disposição. Esses veículos levarão o público para o estádio, deixando a uma distância de aproximadamente 600 metros. O restante do trajeto deverá ser feito caminhando. O custo da passagem do metrô é de R$ 1,60, enquanto que o circular terá o preço de R$ 2,25 (incluso ida e volta). Lembrando que a passagem do metrô não inclui ida e volta. O torcedor terá que pagar um bilhete para ir e outro para retornar para casa. Quem utilizar o circular será identificado com uma pulseira.

> Arena Pernambuco não terá pleno funcionamento em Náutico x Sporting
Quem não mora perto de algum terminal de metrô tem a opção de pegar ônibus comuns da Região Metropolitana do Recife e descer em alguma estação integrada, como Joana Bezerra, por exemplo. Lá, o torcedor deve pegar o metrô e se dirigir para Cosme e Damião, onde funcionará o mesmo processo descrito acima. O preço é de R$ 2,25 para ônibus do anel A e de R$ 3,45 para coletivos do anel B. Lembrando que será uma passagem para a ida e outra para a volta e que ainda há o custo do circular saindo de Cosme e Damião (R$ 2,25 já incluso ida e volta).

Aos que ainda assim optarem por utilizar carros, há alternativa dos estacionamentos privados. Os veículos particulares não podem entrar na Arena Pernambuco sem credenciamento. No perímetro de três quilômetros haverá postos de verificação de carros. Quem não se enquadrar nas restrições não poderá seguir adiante. O estacionamento na BR-408 também não será permitido.

A solução é se dirigir para os estacionamentos próximos ao Terminal Integrado de Passageiros (TIP); nas estações de metrô (Joana Bezerra, Central do Recife e Aeroporto) e no ginásio do Geraldão. As vagas são privadas (pagas) e limitadas. Logo, é recomendado chegar cedo para evitar tumultos. Desses pontos, o torcedor terá que se dirigir ao metrô e repetir todo o processo já descrito até Cosme e Damião. No TIP ainda haverá o ônibus circular que leverá direto para a arena. O preço é de R$ 2,25.

Arena Pernambuco só receberá carros credenciados no amistoso do Náutico e nos jogos da Copa das Confederações e da Copa do Mundo. Foto: Divulgação
Os táxis também terão circulação restrita até a Arena Pernambuco. Não será permitido o embarque e desembarque nas próximidades do estádio (BR-408, por exemplo). Quem utilizar este transporte terá que descer no TIP e de lá pegar o metrô.
A circulação de carros na BR-408 está liberada para pessoas que necessitam utilizar a via para se dirigir a outras localidades que não seja o estádio.
O horário de funcionamento do metrô em Cosme e Damião e dos terminais integrados será até meia-noite. Segundo a Secretaria das Cidades de Pernambuco, a expectativa é que o intervalo dos coletivos (metrô e circular) seja de no máximo três minutos.

É importante destacar que todo esse processo também repetido, em escala ainda maior, para a Copa das Confederações e Copa do Mundo. Segundo a Secopa e a Secretaria das Cidades, haverá agentes orientando os torcedores.

POR Thiago Wagner da Silva

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.